Pele

28/04/2015 04:36 - Atualizado em 22/11/2016 03:37

Tipos de pele diferentes exigem cuidados específicos

A pele sensível fica avermelhada com facilidade em dias frios ou com vento.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você sabe dizer qual é o seu tipo de pele? Ou melhor, sabe como cuidá-la a partir das suas necessidades? Os tipos de pele são resultado da combinação de três fatores: quantidade de água, quantidade de lipídios e sensibilidade.

Esses elementos podem interferir na elasticidade, na nutrição e na suavidade, determinando a resistência da pele de cada pessoa. Por isso, é importante identificar em quais dos tipos de pele suas características se encaixam. Saiba como cuidar do rosto e manter a aparência mais saudável.

tipos de pele

Diferentes tipos de pele

A Sociedade Brasileira de Dermatologia aponta pelo menos cinco tipos de pele:

Normal

A pele normal tem textura saudável e aveludada. Além disso, ela possui elasticidade ideal e produz gordura natural em quantidade adequada. Normalmente, apresenta um aspecto rosado, com poros pequenos e pouco visíveis, e é pouco propensa ao desenvolvimento de espinhas e manchas.

Seca

A perda de água em excesso é característica da pele seca, que normalmente possui poros poucos visíveis, pouca luminosidade e é mais propensa à descamação e à vermelhidão.

Também pode apresentar maior tendência ao aparecimento de pequenas rugas e fissuras. A pele seca pode ser causada por fatores genéticos e hormonais, e também por condições ambientais.

Oleosa

Tem aspecto mais brilhante, úmido e espesso, por causa da produção de sebo maior que o normal. Fatores como herança genética, alterações hormonais, excesso de sol, estresse e uma dieta rica em alimentos com alto teor de gordura contribuem para a oleosidade da pele.

A pele oleosa apresenta os poros dilatados e maior tendência à formação de acne, cravos e espinhas.

Mista

É o tipo de pele mais frequente e apresenta aspecto oleoso, com poros dilatados, na chamada zona T (testa, nariz e queixo). Já bochechas e extremidades ficam secas. A pele mista tem espessura mais fina, com tendência à descamação e ao surgimento de rugas finas e precoces.

Sensível

É um dos tipos de pele mais frágeis, ficando facilmente irritada e com cor avermelhada. Provoca coceira, machas, ardor e sensação de picadas após a aplicação de um novo produto ou situações de muito calor, frio ou vento.

Como identificar os tipos de pele

Se você ainda não conseguiu descobrir o seu tipo de pele depois de ler as características listadas acima, siga estas dicas.

Ao acordar de manhã, higienize o rosto com um lenço seco e limpo e olhe para ele. Aqueles que têm pele normal vão notar que o lenço não ficou com óleo.

Quem tem pele oleosa verá que seu lenço ficou com manchas transparentes causadas pelo excesso de óleo na pele. Se houver óleo apenas no centro do lenço, a pele pode ser um tipo de pele mista.

Se depois de limpar a pele você não encontrar óleo no seu lenço e sentir a sua pele com pouca elasticidade, áspera e com uma sensação de secura, o mais provável é que você tenha pele seca.

Pessoas com a pele sensível vão notar que a face ganha manchas facilmente e não reage muito bem aos cosméticos, ficando inflamada ou com coceira. É indicado o uso de produtos especiais para esse tipo de pele.

tipos de pele

Cuidados para cada tipo de pele

Como cuidar de pele normal ou seca

- Lave o rosto pela manhã para retirar as impurezas produzidas durante o sono

- Aplique um hidratante em creme e o filtro solar

- À noite, lave o rosto novamente para remover a poluição e a maquiagem. Aplique um tônico adequado e, em seguida, o creme hidratante

- Máscaras faciais hidratantes e um esfoliante leve podem ser utilizados uma ou duas vezes por semana.

Como cuidar de pele mista ou oleosa

- Lave o rosto pela manhã com sabonete à base de ingredientes adstringentes

- Aplique um hidratante em gel ou loção oil free para oleosidade da pele

- Use filtro solar livre de óleo

- À noite, lave o rosto, aplique um tônico facial indicado para o seu tipo de pele e o mesmo hidratante utilizado pela manhã

- Máscaras que controlam a oleosidade e esfoliantes que ajudam a prevenir a formação de cravos podem ser usados até duas vezes por semana.

Gostou das dicas de beleza? Então deixe um comentário! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
rosto
hidratação
pele
cuidados com a pele

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ