Pele

22/08/2015 03:29 - Atualizado em 15/09/2016 12:13

Chega de brilho! Saiba como diminuir a oleosidade da pele

Água quente e poluição do ar são fatores que aumentam a oleosidade do rosto.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você sabe como diminuir a oleosidade da pele? Somente quem convive com a pele oleosa conhece a dificuldade de controlar o excesso de brilho. Sua principal característica são os poros dilatados e a concentração de umidade na chamada zona T - testa, nariz e queixo -, o que facilita o surgimento da acne.

Tratamentos caseiros e truques de beleza podem ajudar temporariamente, mas não são os mais indicados. O importante é adotar mudanças de hábitos e alguns cuidados diários. Entenda melhor o que causa a oleosidade da pele e saiba como diminuí-la.

como diminuir a oleosidade da pele mulher passando creme

Fatores que contribuem para a oleosidade

De acordo com a Dra. Caroline Assed Saad, médica especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia, os tipos de pele - seja seca, oleosa ou mista - são constitucionais e pré-determinados. Isso significa que eles fazem parte de características individuais da pessoa e não há como mudá-los.

Ainda assim, alguns fatores são prejudiciais mesmo para quem não tem pele oleosa. Conheça cinco hábitos e situações que agravam o problema:

- Produtos pesados: Caroline aponta que o uso de cosméticos que não possuam selo oil free (livre de óleos) são os principais agentes da pele gordurosa.

- Clima quente: A dermatologista afirma que, em períodos mais quentes do ano, quando a produção do suor é mais intensa, há também maior produção das glândulas sebáceas. Essas glândulas são as responsáveis pela oleosidade da pele.  

- Poluição do ar: Por mais que você se cuide, é quase impossível fugir da carburação que os veículos e fábricas soltam no ambiente. Os agentes poluentes também facilitam a inflamação da pele, podendo causar até mesmo acne.

- Franja: O corte de cabelo que você utiliza também interfere diretamente na saúde do rosto. Se suas madeixas também são oleosas, isso pode passar do couro cabeludo e chegar à testa. A franja também dificulta a respiração da pele.

- Água quente: A temperatura alta da água no banho elimina a gordura natural da pele, o que estimula mais ainda a produção de oleosidade para compensar essa perda.

4 passos: Como diminuir a oleosidade da pele

A Dra. Caroline Assed Saad aponta quatro passos para atenuar a oleosidade da pele. Confira:

1. Utilize produtos específicos para sua pele

“O primeiro passo é não usar nada na pele sem orientação do dermatologista. É ideal que a pele seja limpa com sabonetes à base de ácido salicílico, ácido glicólico e enxofre”, aconselha Caroline.

Saiba Mais
Alimentação e oleosidade de pele alteram cheiro de suor
Aprenda como escolher hidratante para pele oleosa
Maquiagem: Descubra a melhor base para seu tipo de pele

2. Retire sempre a make

O acúmulo dos produtos de maquiagem podem entupir os poros e estimular a produção de glândulas sebáceas. “Retire sempre a maquiagem com produtos específicos para esse tipo de pele e use filtro solar em gel, gel creme ou oil free”, destaca.

3. Dê preferência à maquiagem matte

Um hábito comum entre mulheres com pele oleosa é o uso do pó para diminuir o aspecto do brilho excessivo. Se você não vive sem maquiagem, busque aquelas que são desenvolvidas para pele oleosa, que não incentivem a produção de sebo.

Bases e pós de cobertura matte são feitos para segurar a oleosidade da pele e dar um aspecto mais seco ao visual.

4. Tenha a orientação de um profissional

“Os tratamentos caseiros, de modo geral, devem ser desestimulados, pois é fundamental que ocorra uma supervisão médica para tudo o que se é usado na pele”, orienta Caroline.

Gostou das dicas de beleza? Deixe um comentário! E aproveite para conferir as novidades de saúde e bem-estar do Vivo Mais Saudável.

TAGS
pele oleosa
brilho no rosto
matte
glândulas sebáceas

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ