Estética

09/02/2016 07:00 - Atualizado em 09/12/2016 01:36

Preenchimento de bigode chinês é perigoso? Avalie prós e contras

Após modelo falecer com o procedimento, debate ganhou força.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Após a morte de uma das finalistas do Musa do Brasil, a polêmica sobre os procedimentos estéticos se reacendeu. A jovem de 28 anos faleceu depois de realizar o preenchimento do bigode chinês.

Os médicos responsáveis pelo procedimento negam que houve alguma relação entre a técnica e o óbito da modelo. Além disso, afirmam que a fatalidade ocorreu por hábitos negativos da própria paciente, como uso de anabolizantes e de cigarros.

Entenda o preenchimento do bigode chinês

Essa é a região caracterizada pelos sulcos que se formam entre o canto do nariz e a boca. As marcas podem surgir cedo, especialmente em pessoas que fumam, não usam protetor solar ou mesmo movimentam muito o rosto ao falar. Em outras, as linhas de expressão chegam com o passar dos anos, sendo consideradas um sinal comum da idade.

mulher confere bigode chinês no espelho

O preenchimento do bigode chinês visa a suavizar essas marcas e dar uma impressão de visual mais jovem. O procedimento pode ser realizado com ácido hialurônico, gordura autóloga (do próprio paciente) ou metacrilato.

A técnica feita pela modelo foi a do ácido. O preenchimento utiliza uma substância feita de microesferas, que promove um acúmulo de água na região. O inchaço diminui ou elimina as rugas no local da aplicação e o resultado tende a durar entre oito e dez meses.

Especialistas afirmam que o procedimento é simples e que, em muitos casos, não há necessidade de anestesia. No entanto, entre os riscos do método, está a omissão de detalhes sobre a saúde do paciente ou sobre hábitos negativos, como consumo de anabolizantes ou outras drogas.

Além disso, outra complicação possível do preenchimento de bigode chinês é a quantidade de substância injetada em uma artéria ou veia, que pode ocasionar necrose. Uma consequência pode ser a formação de fibrose, que costuma ser solucionada com a utilização da hialuronidase.

De maneira geral, o processo é considerado seguro. Ele pode ser realizado em consultórios ou clínicas. Médicos dermatologistas e cirurgiões plásticos estão aptos a realizar o procedimento.

Prevenção e cuidados

É comum que as mulheres invistam em tratamentos estéticos para conquistar um visual mais bacana. Porém, é fundamental que haja muito cuidado e controle dos excessos.

Os procedimentos devem ser escolhidos de acordo com a necessidade e, mais que isso, ser realizados apenas por profissionais qualificados. Muitas mulheres acabam buscando preços menores e não se dão conta que, com essa atitude, estão abrindo mão da qualidade das substâncias utilizadas e pondo sua vida em risco.

Para quem quer prevenir o bigode chinês e retardar seu aparecimento, manter bons hábitos é muito importante. Não fumar, evitar os picos de sol forte e hidratar a região regularmente são alternativas de prevenção. Além disso, alimentos ricos em antioxidantes contribuem para minimizar a degeneração das células.

Você se preocupa com o bigode chinês? Já pensou em recorrer ao preenchimento? Deixe um comentário! E aproveite para conferir outras dicas de beleza aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
sulco labiogeniano
Musa do Brasil
ácido hialurônico
linhas de expressão

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ