Estética

27/05/2015 01:01 - Atualizado em 28/10/2016 02:15

Esfoliantes certos garantem pele renovada

Há diferentes tipos de esfoliante, que podem inclusive prejudicar a pele, se forem usados de forma inadequada.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você sabe para o que servem os esfoliantes? Eles realizam um polimento na pele, também chamado de microabrasão. O resultado é a remoção das células mortas acumuladas.

Toda esfoliação deixa a pele mais preparada para a ação dos cosméticos. Porém, é preciso atenção: o uso de esfoliantes em excesso pode danificar a cútis, já que o atrito constante retira a proteção natural e pode causar machucados.

Veja qual tipo de esfoliação é melhor para sua pele e quais cuidados devem ser tomados.

esfoliantes

Esfoliantes para todas as peles

Os esfoliantes podem ser classificados em quatro tipos. Os vegetais são à base de celulose. Peelings com ácidos são considerados uma esfoliação química. Há, ainda, os do tipo físico, que utilizam grãos para atritar a pele, e os biológicos, com enzimas.

O tipo de esfoliação e a frequência vai depender da pele da pessoa. Se for seca ou sensível, ela não deve receber o procedimento mais que uma vez por semana. Se for oleosa, o tratamento pode ser mais frequente, contanto que não seja diário. Esfoliar a pele todos os dias pode ocasionar a produção de ainda mais sebo.

Com os devidos cuidados, os esfoliantes garantem diversos benefícios para a beleza: 

- Melhoram e suavizam a textura da pele

- Facilitam a absorção de cosméticos 

- Ajudam a prevenir e atenuar rugas e linhas de expressão

- Removem células mortas

- Desobstruem os poros, combatendo o surgimento de acne.

Como esfoliar a pele

Um dos maiores erros, além do exagero no uso de esfoliantes, é a força da aplicação. A ação está no creme utilizado, não na intensidade com que você esfrega a pele. Passar o produto com muita força pode causar danos, prejudicando a proteção natural do corpo.

Procure utilizar esfoliantes indicados para cada área do corpo. Os cremes para o rosto, por exemplo, costumam ser mais suaves. Já pés, cotovelos e joelhos, que são regiões mais resistentes, podem ser tratados com cosméticos de ação mais áspera.

Para preparar o corpo para o processo de esfoliação, comece com um banho de água morna, utilizando um sabonete específico para seu tipo de pele. Passe o esfoliante em movimentos circulares, sem aplicar muita pressão. Certifique-se de cobrir toda a área de forma homogênea. Enxágue e finalize o procedimento com creme hidratante.

Buchas e luvas esfoliantes já possuem ação abrasiva e podem ser utilizadas no cotidiano, desde que respeitando as características da pele. Durante o dia, lembre-se também de usar filtro solar sempre. 

Gostou das dicas para a beleza da sua pele? Então continue ligada, que sempre tem novidade aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
esfoliação
cuidados com a pele
tipos de pele
células mortas

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ