Estética

12/04/2015 10:40 - Atualizado em 03/12/2016 01:24

Escolha a melhor solução para acabar com a flacidez na barriga

Alimentação equilibrada e exercícios são a principal forma de combate à flacidez abdominal.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você conseguiu diminuir aquela gordurinha que balança abaixo do braço, o bumbum está mais durinho, mas nada de perder a flacidez na barriga? Esse problema é bastante comum, e atinge não só mulheres que não conseguem se exercitar, mas também aquelas que já eliminaram alguns quilos.

A gordura se localiza principalmente na região abdominal, formando os famosos pneuzinhos. Quando eliminamos o excesso, o tecido adiposo fica mais flácido, fazendo com a pele fique mole no local. Quer conhecer algumas dicas para acabar com a flacidez na barriga? Confira.

flacidez na barriga

O que causa flacidez na barriga?

Existem dois problemas principais que provocam a flacidez na barriga. O primeiro é o estilo de vida sedentário, combinado ao consumo excessivo de carboidratos com alto índice glicêmico. Esse fator estimula o aumento de peso e o aumento da gordura localizada na região abdominal.

O segundo incômodo é quando, após a perda de peso, a pele da barriga fica flácida e com aspecto molengo. Porém, para ambos os casos, existe uma solução. Combinando alimentação saudável e uma rotina de exercícios, principalmente abdominais é possível deixar tudo em seu devido lugar.

Se você está incomodada com a gordura localizada, precisa primeiramente se preocupar com a reeducação alimentar. Os pneus podem ser um aviso para problemas como diabetes e doenças endócrinas e cardiovasculares, como a hipertensão.

Consumir menos carboidratos é fundamental para combater a flacidez na barriga. Eles são os responsáveis por aumentar o índice glicêmico e estão presentes em refrigerantes, frituras, doces e produtos industrializados. Por outro lado, é importante aumentar o consumo de proteínas e iniciar uma rotina de exercícios, que vai ajudar na conquista do abdômen durinho.

Verduras, frutas e legumes devem ser os principais alimentos na dieta de quem busca acabar com a flacidez. Além disso, carnes e derivados do leite com pouca gordura também são excelentes fontes proteicas. Busque um endocrinologista ou nutricionista para indicar o melhor cardápio para você.

Flacidez na barriga pode ser combatida com exercícios

Gastar energia, queimar calorias e perder gordura: para quem quer eliminar a flacidez na barriga, esses são os principais benefícios do exercício físico. Tanto para emagrecer quanto para fortalecer a musculatura, eles são a principal forma de chapar o abdômen.

Os abdominais são os aliados da mulher com barriga molinha. No entanto, é necessário que você se dedique aos exercícios aeróbicos, pois são eles que realmente detonam os pneus. Se você conseguir conciliar uma corrida de 20 minutos com musculação e exercícios de força na barriga, é possível eliminar o excesso em pouco tempo.

Comece com pesos leves, sempre pedindo orientação profissional. Os músculos precisam começar a adaptação com cargas pequenas, que aumentam conforme você cria resistência. Os especialistas lembram que não existe milagre. A barriga, infelizmente, é uma das partes mais difíceis de tonificar.

Para quem quer resultados rápidos e não tem medo do bisturi, é possível realizar a abdominoplastia. No entanto, esse método costuma ser bastante agressivo e retira a pele que sobra, esticando os tecidos flácidos sobre o abdômen.

Com a idade, os músculos perdem a rigidez e os tecidos ficam menos elásticos. Da mesma forma, as gestantes podem sofrer com a flacidez após o parto. Por isso, a ginástica é importante em todas as etapas da vida. Somente a disciplina e a busca pelo bem-estar podem evitar esse problema.

Gostou das dicas de beleza? Então deixe um comentário! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
flacidez
perder barriga
abdominal
gordura localizada

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ