Estética

21/04/2015 12:49 - Atualizado em 24/11/2016 03:16

Depilação com linha deixa a pele renovada

Técnica promete remover os pelinhos indesejados sem causar danos à pele.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Que tal conhecer uma nova alternativa de depilação que se livra dos pelinhos indesejados de forma muito mais prática, sem o uso de qualquer química e sem riscos de cortes ou queimaduras na pele? Prepare-se para ficar por dentro da tendência da depilação com linha!

A origem da técnica é incerta. Alguns dizem que veio do Egito. Outros, da China. O que se sabe é que desde antigamente era muito utilizada no Oriente Médio e migrou para o Brasil há pouco tempo. Se a palavra “depilação” já causa uma dorzinha só de pensar, saiba que é possível minimizar o desconforto dessa situação.

depilacao com linha

Como funciona a depilação com linha

A novidade da depilação com linha vem conquistando milhares de adeptas ao redor do mundo, tornando-se destaque no mundo da beleza. A técnica utiliza uma linha de seda ou algodão e entrelaça os pelos, arrancando-os pela raiz. A alternativa elimina até aqueles fiozinhos menores e finos, que costumam aparecer principalmente no rosto.

Diferentemente da cera, a depilação com linha enfraquece os pelos e reduz seu crescimento. Tudo isso sem agredir a pele, causar alergia ou escurecer as áreas depiladas. Porém, atenção: é preciso conhecer bem a técnica para manusear a linha de forma funcional, eliminando com mais facilidade os pelos e minimizando a dor.

É possível utilizar a técnica em qualquer área do corpo, porém a região do rosto costuma ser a que tem mais procura, especialmente pela sua sensibilidade. A vermelhidão após o processo é normal, mas tende a desaparecer rapidamente.

Conheça outros benefícios

O método pode ser utilizado em qualquer pessoa, mesmo que ela esteja usando produtos diversos na pele, além de ser muito higiênico. Outro grande benefício é que não tem restrições contra o sol - enquanto a região depilada com cera pode ficar manchada - e não dá alergia.

Além disso, a depilação com linha preserva a queratina natural da pele, diminui a quantidade de pelos e evita a flacidez gerada por técnicas que puxam ou esticam muito a região. Se tudo isso já não fosse o suficiente, o atrito da linha com a pele auxilia na remoção de células mortas, como uma forma de esfoliação, deixando a área ainda mais bonita e saudável.

A manutenção necessária varia muito de pessoa para pessoa, mas especialistas afirmam que, geralmente, os pelos voltam a crescer depois de cerca de vinte dias. A questão da dor também muda muito de acordo com o caso. Há quem diga que a depilação com linha dói mais, mas é válida porque o pelo demora mais a crescer.

As adeptas afirmam que dá para se acostumar com o desconforto e que os bons resultados valem o esforço. Que tal apostar na novidade e dar adeus aos pelinhos indesejados?

Quer tentar? Conte para nós! E não esqueça de continuar ligada no Vivo Mais Saudável para conferir mais dicas de beleza.

TAGS
depilação
pele
esfoliação
técnica de depilação

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ