Estética

14/10/2014 02:41 - Atualizado em 01/12/2016 03:41

Argiloterapia é tratamento para limpar e tratar a pele

Argiloterapia pode ajudar no combate à flacidez e à celulite.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Com uma pele radiante e hidratada, qualquer mulher se sente mais bonita e exala autoconfiança. Por ser muito importante para a melhora da autoestima, diferentes tratamentos específicos para a pele são adotados. E a argiloterapia é uma dessas técnicas, reconhecida por limpar a pele e melhorar a flacidez.

O que é a argiloterapia?

A argiloterapia, na verdade, engloba todos os tratamentos que usam a argila como base para a técnica. Ela pode ser dissolvida em água, gel ou loções para tratar a pele. Indicada para a melhora da acne, celulite, flacidez e seborreia, a argila é um material orgânico rico em silício, ativo na reconstrução dos tecidos, em alumínio e zinco, importantes para a cicatrização e em ferro, que cria energia e oxigênio para as células.

argiloterapia

Tipos de argila

As argilas contêm substâncias antioxidantes, secativas, adstringentes, tensoras, reconstrutoras, antissépticas e desintoxicantes.

Argila verde: Parecida com um peeling, a argiloterapia com essa argila é indicada para pessoas com pele oleosas.

Argila rosa: Regeneradora, a argila rosa é um esfoliante. Ela remove as células mortas que estão na pele.

Argila branca: Melhora a pele. Deixa o aspecto macio e hidratado. É rica em alumínio, zinco, potássio, silício, cálcio e ferro.

Argila dourada: O uso dessa argila auxilia no combate dos efeitos dos radicais livres, que podem causar o envelhecimento precoce. Ela é esfoliante e limpa profundamente a pele.

Argila amarela: Pode ser usada como esfoliante, purificadora, hidratante, nutritiva e rejuvenescedora. A argila amarela é indicada para pessoas com pele oleosa.

Argila vermelha: Indicada para pessoas com acne, essa argila tem ação secativa. Ela é fortalecedora e ajuda a diminuir o aspecto envelhecido da pele.

Argila preta: Ela melhora manchas, é anti-inflamatória, diminui o estresse, é desintoxicante e adstringente.

Argila roxa: Deixando a pele mais elástica e forte, a argila roxa é rica em magnésio. Ela também pode ser aplicada como esfoliante.

Como fazer a argiloterapia?

A argiloterapia pode ser deve ser indicada por profissionais formados em estética como dermatofuncionais e esteticistas. Fisioterapeutas também podem indicar o produto. Se receitada por um médico o tratamento pode ser feito em casa.

É importante fazer o teste para evitar alergias faciais. O teste deve ser feito um dia antes em locais como os braços ou pernas. Caso você apresente vermelhidão, não faça mais nenhum procedimento.

Passo a passo

Antes de começar a argiloterapia, limpe a sua pele com um sabonete purificante. Misture 20 gramas de argila com 3 gotas de óleo essencial e 10 gramas de máscara gel neutro. Aplique em seu rosto e deixe por cerca de 10 minutos. Lave com água abundante. Lembre-se que o uso desse tratamento deve ser indicado por um profissional da área.

Por ser um tratamento natural, a argila deve ser de boa qualidade e sem nenhum aditivo. Informe-se sobre onde adquirir o produto para não ter surpresas.

E aí, curtiu nossas dicas? Deixe seu relato nos comentários! E não esqueça de acompanhar nossa página no Facebook para receber todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
terapias
beleza
saúde

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ