Corpo

30/10/2015 02:23 - Atualizado em 15/11/2016 06:05

Tome cuidado com a depilação caseira

Existem diferentes métodos disponíveis para se depilar em casa.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Seja por falta de tempo para ir à depiladora, por economia ou por independência para realizar o procedimento do jeito que quiserem, muitas mulheres optam por se depilar em casa mesmo. E a depilação caseira não é uma tarefa tão difícil quanto parece: basta escolher o melhor método para o seu caso e seguir alguns cuidados.

mulher fazendo depilação caseira com cera quente

Principais cuidados com a depilação caseira

Um dos principais cuidados com a depilação caseira é a escolha do método que será feito. Para quem tem a pele sensível e sofre com foliculite, os cuidados são ainda mais importantes, sendo recomendadas técnicas menos agressivas, que retirem o pelo pela raiz e apresentem menos chances de quebra do fio ou de lesões na pele.

Existe uma grande variedade de produtos para fazer a depilação caseira, como lâminas de diferentes tamanhos e ângulos, ceras quentes e frias, cremes depilatórios, aparelhos elétricos com várias funcionalidades e até aparelhos de fotodepilação.

Qualquer que seja o método escolhido, o cuidado principal é estar com a área a ser depilada limpa antes de começar. Esfoliar a pele também é indicado, pois isso ajuda a evitar pelos encravados. Após o procedimento, manter a pele hidratada e evitar a exposição ao sol sem protetor solar são recomendações essenciais.

mulher fazendo depilação caseira com lâmina

Como escolher o melhor método

Cera quente

Com a cera quente, seja feita em casa ou industrializada, basta aplicar o produto sobre a região a ser depilada e retirar com um único puxão, removendo os pelos pela raiz. A vantagem desse método é que ele é barato e tem uma duração de até 20 dias, variando conforme a pessoa.

A desvantagem da cera quente é que pode causar bastante dor, dependendo da área depilada e do conhecimento de quem irá fazer. Ela exige um pouco de técnica e habilidade para aplicar o produto e depois puxá-lo.

Cera fria

Já a depilação caseira com cera fria é mais simples e prática que a quente, pois dispensa aparelhos de aquecimento e não apresenta riscos de queimar a pele. O método também remove os pelos pela raiz, sendo feito com ceras industrializadas aplicadas com o auxílio de um lenço próprio para isso.

A desvantagem dessa técnica é que pode ser mais dolorida e agressiva que a cera quente, pois não conta com o calor para dilatar os poros e facilitar a remoção dos pelos.

Saiba Mais
Fique atenta: Ceras de depilação podem causar alergia
Depilação com linha deixa a pele renovada
Fotodepilação promete eliminar pelos por mais tempo

Lâmina

A depilação com lâmina é um dos métodos mais comuns, cortando a parte do pelo que aparece e não o retirando pela raiz. A lâmina é também a opção mais prática e indolor, além de ser barata e fácil de encontrar.

Como desvantagem, há o fato de não arrancar o pelo pela raiz, tando uma duração bastante curtaAlém disso, pode acabar causando o escurecimento da pele no local depilado e ocasionais cortes.

Quem tem a pele sensível e propensão a foliculite deve tomar bastante cuidado na hora de escolher a lâmina. Existem algumas específicas para a depilação feminina, que proporcionam mais conforto.

Gostou das dicas de beleza? Deixe um comentário! E aproveite para conferir outras novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
depilação em casa
lâmina
cera quente
cuidados com depilação

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ