Cabelos

05/08/2014 09:00 - Atualizado em 09/12/2016 10:32

Conheça os truques para não errar no uso da chapinha

Para dar o efeito desejado, chapinha deve ser utilizada com cuidado.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Entre todos os penteados que já entraram e saíram de moda, o único que resistiu foi o efeito liso. Chapado, volumoso, com as pontas viradas, com mais balanço. Por isso, vamos aprender agora como obter esse efeito na medida certa com a chapinha, que esquenta e molda os fios.

Dicas para usar a chapinha

O acessório é um dos eletroportáteis mais vendidos e procurados pelas mulheres, mas também é um dos que mais causa danos aos fios. O calor que proporciona o alisamento do cabelo também retira a água dos fios, deixando-os desidratados. Se os fios não estiverem devidamente preparados para receber o calor da chapinha, sofrerão danos irreversíveis.

Chapinha
Chapinha é uma poderosa aliada da beleza feminina. Foto: Shutterstock

Veja 5 dicas para se preparar para a chapinha:

1 - Enxágue

Quando lavamos os cabelos fazemos uso de produtos como shampoos, condicionadores e máscaras, que aderem ao fio com muito facilidade. Na hora do enxágue a tendência é de que nem todos os resíduos destes produtos sejam retirados, já que é um processo trabalhoso. O problema é que estes componentes podem danificar muito o cabelo quando entram em contato com a chapinha. 

Portanto, o primeiro passo para alisar o cabelo sem danos já deve ser feito antes de o aparelho começar a esquentar. Enxágue bem os cabelos no banho e retire qualquer resquício de produto que possa estar preso ao fio. 
 
2 - Cabelos secos

Como a chapinha chega a uma temperatura muito elevada, os cabelos devem estar completamente secos na hora em que ela for aplicada. Utilize uma toalha para tirar o excesso e então o secador para retirar toda a umidade. Esse procedimento é necessário pois o calor em contato com a água pode produzir um efeito de cozimento dos fios. 

3 - Respeito ao fio 

Temperaturas excessivamente altas ajudam apenas na queima do cabelo, que vai ficar duro e sem vida. Observe a espessura de seu fio e utilize uma quantidade adequada de calor para ele, não passando dos 180º. Quanto mais fino o fio, mais baixa a temperatura. 

4 - Protetor Térmico

Antes de iniciar a aplicação da chapinha é preciso proteger o cabelo. As casas de cosméticos oferecem diversas variações de produtos termoativados, que protegem os fios do calor e que tem suas propriedades ativadas em altas temperaturas. Estes cremes ou silicones criam uma camada entre o fio e a prancha, minimizando os efeitos do calor. 

5 - Escolha certa 

Como as chapinhas são adoradas pelas mulheres a variedade de marcas é abundante. Procure indicações sobre o produto que você deseja comprar, olhe as avaliações da marca em sites de atendimento ao cliente e procure os aparelhos com prancha de cerâmica. Nestas variações o calor se espalha de forma igual, prejudicando menos o cabelo. 

Chapinha com efeito sob medida

A chapinha pode produzir diversos efeitos no seu cabelo - basta utilizá-la de forma correta. Para um liso chapado, faça movimentos retos e repetidos, sem nunca parar com a prancha sobre o cabelo. Para pontas modeladas, inicie com movimentos retos na raiz e vá virando o aparelho para o lado que você quer que as pontas fiquem. 

Se você quer mais volume, levante a raiz e faça movimento curtos e repetidos para cima. Depois modele os fios a seu gosto. Para um efeito ondulado, o ideal é utilizar pranchas fininhas e enrolar o cabelo ao redor do aparelho.

Leia também:

Dicas para o coque

Aprenda a fazer trança lateral

Mechas: Como evitar amarelamento dos fios

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ