Cabelos

26/06/2014 09:00 - Atualizado em 04/12/2016 01:53

Conheça 5 técnicas de alongamento de cabelo

A atriz Giulia Gam é uma das famosas que adotou recentemente o alongamento de cabelo.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Giulia Gam mudou o visual para interpretar uma esposa traída na novela Boogie Oogie, da Rede Globo, de autoria de Rui Vilhena. Ela optou pelo alongamento de cabelo, uma novidade para a atriz, que normalmente adota cortes mais curtos. E você, já pensou em deixar os fios mais longos? Vamos descobrir agora quais são as técnicas para aumentar as madeixas.

Alongamento de cabelo

Foto: Shutterstock

 

O alongamento de cabelo é uma opção para quem cansou das madeixas curtinhas e quer uma mudança radical, ou então se arrependeu de um corte que passou da conta e quer corrigi-lo o mais rápido possível, voltando a ter mechas longas.

O primeiro passo para alongar os cabelos é escolher qual técnica você quer. Existem várias, cada qual com suas particularidades e vantagens.

Tipos de alongamento de cabelo

Confira abaixo 5 diferentes opções:

Alongamento de cabelo com queratina

Para que o aplique tenha uma duração mais longa, de até três meses, o processo mais realizado é o alongamento de cabelo com queratina. Tufos de cabelo de cerca de um centímetro de largura são colados às mechas naturais com cola de queratina. Como esse é um componente natural, seus cabelos não serão agredidos. A aplicação dura de duas a seis horas, e o aplique precisa ser retirado ou recolocado depois de três mesmo. A técnica é recomendada para cabelos lisos e ondulados.

Adesivamento

Outra opção duradoura é o adesivamento. Essa técnica não trabalha com tufos, mas sim com faixas inteiras de cabelo, que são coladas em diferentes partes da cabeça, como nuca, topo e centro. A ponta desses fios é costurada em uma faixa de silicone, coberta por um adesivo. A vantagem é que a aplicação dura apenas 30 minutos e o método é mais barato. É indicado principalmente para mulheres que sofrem de calvície.

Método com lastex

Há também o método que amarra com lastex (elástico super fino) as mechas postiças nas originais, próximo à raiz. Essa técnica vai dar bastante volume para a região onde as mechas foram amarradas. A aplicação dura cerca de cinco horas, e a aplicação deve ser refeita após três meses. Outra técnica é o microlink, na qual o cabelo postiço é preso ao natural com tiras de alumínio, que são enroladas ao redor de duas mechas, formando um anel. Não agride o cabelo pois nenhum produto é aplicado diretamente nos fios. A aplicação dura duas horas e a recolocação deve ser feita em três meses.

Interlace

Se o objetivo não é que o aplique dure tanto tempo, pode optar pelo interlace, no qual são feitas tranças de raiz, onde são costuradas telas com mechas de cabelo postiço. O alongamento fica imperceptível e é ideal para cabelos bem curtos. A aplicação dura uma hora e meia e o aplique deve ser retirado ou recolocado a cada 15 dias.

Aplique com presilhas

Quem quer uma variada no visual apenas para determinada ocasião pode optar pelos apliques com presilhas. São fios sintéticos presos a uma tela que ocupa toda a parte posterior da cabeça. Pode ser feito em casa mesmo, e não é necessário ter muita habilidade. Depois de usar seis vezes, a peça deve ser lavada com água fria e xampu neutro, secando naturalmente.

Cuidados

Cada processo de alongamento tem seus cuidados específicos. Oriente-se com o cabeleireiro sobre como fazer a correta manutenção, que é muito importante. Alguns métodos danificam os seus fios naturais, então os seus cabelos devem ser sempre muito bem hidratados.

Gostou do texto ? Deixe seu comentário ou compartlhe sua experiência!

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ