Terceira Idade

05/08/2014 09:00 - Atualizado em 08/12/2016 07:53

Incentivo à atividade física é necessário na terceira idade

Praticar exercícios pode não ser ato espontâneo do idoso e o incentivo à atividade física se mostra fundamental.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O incentivo à atividade física para pessoas acima de 60 anos é muito importante, mas não é tarefa fácil. Conheça neste artigo algumas dicas que podem ajudar a melhorar a qualidade de vida na terceira idade.

incentivo-à-atividade-física
Além do incentivo à atividade física aos idosos, é vital alongar antes e depois. Foto: Shutterstock

A importância do incentivo à atividade física

Quando a pessoa chega à fase idosa, o seu corpo acaba sofrendo uma série de mudanças, como a redução da força muscular e da resistência. Essas alterações não podem ser uma desculpa para a pessoa deixar de fazer exercícios, mas sim ser mais um motivo. 

O incentivo à atividade física é fundamental para mostrar que é possível manter o corpo e a mente saudável: basta adaptar os movimentos de acordo com as novas condições e limitações do corpo.

Ter uma rotina ativa e manter o corpo em movimento traz diversos benefícios para todas as idades, principalmente para os idosos. Além de fortalecer os músculos, aumentar a flexibilidade e a capacidade dos movimentos, os exercícios ainda proporcionam maior resistência, melhoram o equilíbrio e ajudam a controlar o peso. 

As atividades físicas podem trazer ainda mais melhorias para o corpo. Elas ajudam no tratamento e prevenção de doenças cardiovasculares, de artrite, diabetes, pressão alta, depressão e também estimulam o bem-estar físico e psicológico. A melhora nos processos cognitivos, como memória, atenção e percepção, também são comprovados.

Como realizar o incentivo à atividade física aos idosos

Entretanto, muitas vezes, a iniciativa de praticar exercícios não parte dos idosos. Muitos acham que não podem mais fazer esforço e se acomodam. Mas é essencial encontrar uma forma de dar incentivo à atividade física nesses casos, mostrando a importância e as melhorias que ela pode trazer para o estilo de vida na terceira idade. 

Para isso, procure clubes ou até mesmo projetos que trabalham com atividades direcionadas para pessoas acima de 60 anos. Além dos exercícios já serem pensados e adequados para as condições físicas dos idosos, o contato com as outras pessoas e a possibilidade de criar relações ou até amizades é uma ótima forma de incentivo à atividade física.

Atividades indicadas

Entre os exercícios indicados para a terceira idade, prefira as atividades aeróbicas que proporcionam baixo impacto. As melhores opções são: caminhada, natação ou hidroginástica, musculação especializada, dança e pilates. Uma boa dica é experimentar várias atividades físicas até encontrar a que melhor se adapta ao perfil de cada pessoa.

E não esqueça que, na hora de praticar qualquer exercício, é preciso ter alguns cuidados, que são simples, mas fundamentais. O principal é fazer um alongamento antes e depois, pois assim é possível evitar lesões e dores musculares posteriores. 

Outro cuidado importante é a ingestão de água durante a atividade, para manter o corpo hidratado. E também usar roupas e calçados adequados para cada tipo de exercício, para manter o conforto e o bem-estar.

O incentivo à atividade física deve vir sempre acompanhado dos cuidados básicos para que o idoso possa ter segurança e conforto enquanto pratica os exercícios. É importante e fácil mostrar que é possível chegar à terceira idade com qualidade de vida e em ótima forma.

Leia também:

Conheça os benefícios da hidroginástica na terceira idade

Terapia ocupacional aumenta qualidade de vida de idosos

Caminhar 20 minutos por dia evita perda de mobilidade

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ