Terceira Idade

11/10/2014 12:22 - Atualizado em 17/11/2016 04:19

Flamenco para idosos é terapia até contra o Alzheimer

Flamenco para idosos é oportunidade para as pessoas da terceira idade saírem do sedentarismo.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Pessoas de mais idade que pretendem evitar doenças mentais e físicas poderão encontrar na dança um importante “remédio”. Flamenco para idosos pode ajudar a evitar o Alzheimer e até o Mal de Parkinson.

Benefícios do flamenco para idosos

flamenco-para-idososO estilo de dança flamenco se destaca pelos movimentos rápidos e pela coreografia muito bem pensada e ensaiada. E já nesses quesitos temos alguns fatores que colaboram na prevenção de diversas doenças.

- Memória

A repetição de movimentos da coreografia faz com que a pessoa idosa exercite a sua memória. Este ato poderá contribuir muito na prevenção do Alzheimer. Mas isso também não significa que o flamenco para idosos garantirá que a doença não se manifeste.

- Articulação

Os movimentos feito pelo corpo dão uma flexibilidade maior para quem dança. O benefício é visto nas articulações – quem possui dores notará uma clara melhora nesses aspecto. Pessoas com problemas de circulação, como varizes, também serão beneficiadas. O Mal de Parkinson é outra grande doença que poderá ser evitada.

- Musculatura

Há quem prefira fortalecer os seus músculos indo na academia. Mas com a dança, usando o peso do corpo e com exercícios repetitivos, é possível ter uma musculatura mais forte nas pernas e até nos glúteos e bíceps. Dessa forma também será possível evitar o surgimento de celulite e de estrias.

- Sensualidade

Homens e mulheres podem aderir à dança. Mas é a mulher que se destaca, por não estar presa ao parceiro. Ela tem toda a liberdade para comandar os seus passos. E isto pode contribuir para a sua sensualidade. O flamenco para idosos demonstra isso muito bem, devolvendo para a pessoa de idade avançada uma sensualidade que ela pode pensar ter perdido a muito tempo atrás.

- Bem estar

Outro benefício do flamenco para idosos é a tranquilidade que traz para quem pratica a dança. A sensação de bem-estar será evidente no dia a dia. E a disposição poderá fazer com que o idoso se prontifique a praticar outras atividades físicas, como a caminhada, por exemplo.

Além de todos esses benefícios, não existe comodidade nessa dança. Conforme o aluno for evoluindo, também aumentará o desafio das aulas. Novos movimentos vão sendo adicionados. Mas sempre respeitando o limite de cada pessoa.

O flamenco

O flamenco, em sua origem, contava apenas com o canto, mas com o tempo os efeitos das palmas, violão, sapateados e dança foram sendo adicionados.

flamenco-para-idosos

A dança é um dos símbolos da cultura espanhola e em 2010 foi considerado um patrimônio imaterial da humanidade pelo comitê intergovernamental da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Ciência e a Cultura).

Como visto, são vários os benefícios do flamenco para idosos. Pessoas com mais idade não podem aderir ao sedentarismo e precisam estar constantemente se exercitando. Mas sempre, claro, respeitando os limites que a idade e a saúde impõem.

Gostou das nossas dicas? Então deixe um comentário e acompanhe nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
dança
exercícios para idosos
atividade física
terceira idade

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ