Terceira Idade

11/04/2015 01:22 - Atualizado em 15/11/2016 04:54

Exercícios moderados colaboram para um envelhecimento saudável

As melhores atividades físicas são indicadas de acordo com as limitações de cada pessoa.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Com a expectativa de vida cada vez maior, as pessoas também estão buscando um envelhecimento saudável e com mais qualidade. Encarar a chegada da terceira idade de maneira positiva e manter-se ativo são medidas que garantem benefícios para a saúde do corpo e da mente.

Já é comprovado que a prática regular de exercícios físicos proporciona um envelhecimento saudável, mas é preciso ter alguns cuidados. As atividades devem ser praticadas de forma moderada e respeitando as limitações físicas de cada pessoa, sempre com orientação profissional.

envelhecimento saudavel

Como ter um envelhecimento saudável

Praticar exercícios físicos é indicado e traz benefícios para todas as fases da vida, pois desde a infância pode auxiliar no desenvolvimento e num crescimento saudável, evitando e controlando problemas de saúde. Na terceira idade, quando os cuidados com a saúde são redobrados, exercitar-se também se torna ainda mais importante.

O envelhecimento saudável é ter uma boa condição física e mental para desempenhar as funções cotidianas e naturais do ser humano. É importante manter-se ativo e continuar com as atividades sociais, profissionais, afetivas e amorosas em todos os sentidos, procurando maneiras de se adaptar às mudanças que surgem com a idade.

Manter hábitos saudáveis, como a prática regular de exercícios, auxilia em vários aspectos. Com as atividades adequadas para cada idade e situação, é possível ajudar no funcionamento de todo o organismo. Os principais benefícios são o aumento da força, da resistência, do equilíbrio, da coordenação motora e da flexibilidade.

Exercícios indicados para um envelhecimento saudável

Em geral, para um envelhecimento saudável, são indicados os exercícios de força e os aeróbicos. A combinação dos movimentos deve ser feita de forma adaptada, optando-se por atividades de menor impacto para evitar quedas, lesões e dores posteriores. O treino certo contribui para a melhora da flexibilidade, da resistência aeróbia, da força muscular e do equilíbrio.

Os exercícios de força ajudam na capacidade funcional do idoso e na prevenção de várias doenças comuns da terceira idade. A atividade não só aumenta e fortalece a massa magra, mas também eleva a qualidade muscular, ou seja, a capacidade de o indivíduo utilizar seus músculos quando necessário.

Já as atividades aeróbicas contribuem para flexibilidade, equilíbrio e coordenação motora. Isso também ajuda a evitar quedas, problema muito comum na terceira idade, melhorando a capacidade de locomoção. Além disso, ainda auxilia no controle do peso, da pressão arterial e dos níveis de colesterol no sangue.

Alguns dos exercícios indicados para o envelhecimento saudável são caminhadas, natação, hidroginástica, bicicleta, yoga e pilates. A principal recomendação é que as atividades sejam feitas com intensidade moderada e volume de três a quatro vezes semanais, com duração de 30 a 60 minutos.

Vale lembrar que a indicação correta de intensidade, frequência e realização dos exercícios deve ser feita de forma individual e por um profissional qualificado, que considera as limitações físicas e as restrições de saúde de cada pessoa. Para começar qualquer tipo de atividade física, é preciso ter orientação e acompanhamento adequados.

Gostou das dicas de atividade física? Então deixe um comentário! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
exercícios
vida saudável
idosos
equilíbrio

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ