Terceira Idade

02/01/2016 06:00 - Atualizado em 05/12/2016 09:45

Baile da terceira idade faz bem ao coração

Com benefícios para a saúde física e mental, os bailinhos ajudam a manter a qualidade de vida dos idosos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Para quem já passou dos 60, se torna ainda mais importante movimentar o corpo, exercitar a mente e se divertir, encontrando formas de lazer. Já pensou em realizar uma atividade que traga todos esses benefícios ao mesmo tempo? É o que o baile da terceira idade oferece, além de proporcionar socialização e novas amizades.

Tudo isso é conquistado em encontros, muitas vezes semanais, onde os idosos dançam, conhecem pessoas diferentes, conversam e até mesmo combinam outras atividades além do baile. Bom demais para quem já passou por tantas experiências na vida.

Idosos animados em baile da terceira idade

Benefícios do baile da terceira idade

Dançar é considerada uma atividade completa para o corpo, pois trabalha no fortalecimento dos músculos e articulações, além de melhorar o condicionamento, a respiração, a coordenação motora, a agilidade e a capacidade de mobilidade, algo muito importante para os idosos. São mais pontos positivos para o baile da terceira idade.

Conforme o corpo envelhece, ele vai perdendo naturalmente a densidade muscular e óssea, limitando os movimentos e provocando o enfraquecimento dos ossos e articulações. Esse problema é o principal responsável pelo grande índice de quedas na terceira idade, que provocam fraturas com consequências graves para a qualidade de vida e a saúde.

Saiba Mais
Dança circular: Brincadeira de ciranda também serve para idosos
Confira 5 ideias de atividade física para idosos
Bailes de Carnaval divertem idosos Brasil afora

De acordo com o Ministério da Saúde, estima-se que cerca de 30% dos idosos sofrem quedas pelo menos uma vez a cada ano. Esse número cresce entre as pessoas com mais de 85 anos, podendo chegar a 51%. E conforme esse índice aumenta, o risco de fraturas também sobe: entre 5% e 10% dos casos resultam em ferimentos mais graves nos idosos.

O baile da terceira idade ainda faz bem para o coração, pois a movimentação ajuda a manter o sangue circulando corretamente e chegando com qualidade em todas as partes do corpo.

Melhora na saúde mental dos idosos

Os benefícios do baile da terceira idade não param por aí e chegam à saúde mental até mesmo para aqueles que não se arriscam muito na pista de dança. Isso porque não são só os passos e movimentações que contribuem para exercitar o cérebro. O contato com outras pessoas e a socialização ajudam muito a melhorar a qualidade vida.

Principalmente para aqueles idosos que moram sozinhos ou passam muito tempo sem contato com os familiares e amigos, os encontros e interações promovidos pelo baile da terceira idade ajudam a afastar os quadros de depressão, também comuns entre os mais velhos.

isso tudo sem falar na diversão certa, com músicas animadas e que lembram os tempos da juventude, mas sem deixar de fora sucessos atuais. Os famosos bailinhos estão cada vez mais modernos e contam com shows ao vivo e músicas variadas, incentivando todos a participar.

Que tal marcar presença você também? Se gostou do artigo, deixe um comentário! Deixe um comentário! E se mantenha ligado nas novidades que encontra aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
idosos
atividade física
saúde mental
corpo e mente

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ