Musculação

31/08/2015 07:00 - Atualizado em 03/01/2017 02:06

Verdade ou mito? Musculação para emagrecer

Para garantir sucesso na perda de peso, o treino deve ser associado a atividades aeróbicas e dieta equilibrada.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A popularização das academias confirma: a busca por um corpo saudável está cada vez mais em evidência. Enquanto alguns treinam para conseguir hipertrofia, ou seja, a definição muscular, outros procuram a musculação para emagrecer, com o intuito de eliminar gordura e adquirir massa magra.

No entanto, profissionais divergem opiniões sobre a eficácia da prática isolada da musculação no emagrecimento. Apesar de haver gasto enérgico, o que colabora na eliminação da gordura, o treino para emagrecer deve envolver também exercícios aeróbicos e uma alimentação equilibrada.

mulher praticando musculacao para emagrecer

Como usar a musculação para emagrecer

Segundo o professor Vagner Nascimento da Silva, coordenador do curso de Educação Física na Universidade Anhanguera de São Paulo, os exercícios aeróbicos associados a uma alimentação saudável são mais eficientes para o emagrecimento, já que o gasto energético é muito maior para mobilizar e reduzir a gordura corporal.

“A recomendação é que indivíduos adultos possam acumular 30 minutos diários de atividade física de forma contínua ou fracionada”, explica o profissional.

Já o educador físico Fabio Richter explica que, como qualquer exercício, a musculação gera gasto energético, portanto auxilia, sim, no emagrecimento. No entanto, concorda que gera um gasto menor, quando comparada a outras modalidades.

Saiba Mais
Entenda como os princípios Weider são usados na musculação
Musculação na gravidez fortalece o corpo da futura mamãe
Corrida emagrece e melhora a saúde do coração

Ambos os profissionais afirmam que, para emagrecer, os treinos de maior intensidade associados a um intervalo pequeno são a melhor estratégia. “Os treinos combinados ou em circuitos têm gasto energético parecido com modalidades como corrida, por exemplo”, orienta Fabio.

O educador físico alerta, também, que a capacidade do corpo de queimar calorias é inferior ao consumo. “Por isso, diminuir o consumo de calorias é indispensável. Exercícios no maior número de dias possível por semana e uma dieta hipocalórica, aliados a um período de sono adequado, compõem a tríade para emagrecer e viver com maior qualidade”, resume.

Ou seja, pode ser caminhada, corrida, bicicleta, aula de dança, luta ou outras atividades comumente encontrada nas academias, mas é o exercício aeróbico que deve acompanhar a musculação para emagrecer. Você poderá intercalar as atividades ou optar por um dia de musculação e um de treino aeróbico.

Depois da eliminação da gordura localizada, a musculação será mais interessante, proporcionando a definição dos músculos e a conquista do corpo ideal.

Conte com o apoio de profissionais

Se você busca a musculação ou outro tipo de atividade para emagrecer, é muito importante contar com a orientação de profissionais. Deixar claro para o instrutor da academia quais são os seus objetivos com a atividade permitirá que ele encontre os exercícios mais indicados.

Além disso, o acompanhamento com um nutricionista potencializará ainda mais os resultados, pois o profissional leva em conta a rotina de exercícios e a saúde do paciente. Uma dieta equilibrada contribuirá para que você atinja a meta, garantindo que seu corpo não fique carente de nutrientes ou sobrecarregado.

Lembre-se que um emagrecimento realizado de forma responsável tende a ter um resultado no longo prazo, diferente de dietas pobres ou do próprio esgotamento físico.

Pronto para apostar na musculação para emagrecer com saúde? Converse com seu instrutor e fique de bem com a balança! Não esqueça de nos contar o que você achou das dicas. E aproveite para conferir outras novidades de atividade física aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
gasto energético
perder peso
treino de musculação
aeróbico

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ