Exercícios e Treinos

08/11/2014 03:32 - Atualizado em 09/12/2016 04:54

Veja uma série de exercícios de treinamento funcional

Praticar exercícios de treinamento funcional pode trazer benefícios diversos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Antigamente, não havia muitas opções de exercícios físicos à disposição de quem quisesse manter a forma. Hoje em dia, no entanto, a realidade é outra: jump, spinning, pilates, hidroginástica e lutas diversas são algumas das modalidades relativamente recentes que se popularizaram nas academias.

Nesse ambiente cada vez mais disputado, o treino funcional vem ganhando espaço pela promessa de trabalhar todos os grupos musculares de forma integrada, por meio de treinos dinâmicos. Para ajudá-lo a entender como funciona o processo e quais seus benefícios, reunimos alguns exemplos de exercícios de treinamento funcional.

Exercícios de treinamento funcional trabalham todo o corpo

O treinamento funcional tem como base os movimentos naturais do ser humano: pular, correr, puxar, agachar, girar e empurrar são algumas das técnicas exploradas nos exercícios. Além disso, as diferentes habilidades costumam ser agregadas em um único exercício. Assim, o praticante fortalece a musculatura e melhora o equilíbrio, ao mesmo tempo em que aumenta a flexibilidade, o condicionamento, a resistência e a agilidade.

exercicios-de-treinamento-funcional

Por um bom tempo, os exercícios de treinamento funcional eram indicados apenas para atletas de alto rendimento, pois havia o entendimento de que o esforço exigido era muito grande para pessoas comuns. Gradativamente, no entanto, as atividades foram adaptadas - principalmente no que diz respeito à intensidade -, e hoje o treinamento funcional pode ser realizado por praticamente todas as pessoas, independentemente de idade ou sexo.

Um dos fatores determinantes para a popularização da prática está no dinamismo dos exercícios: ao contrário da musculação, que trabalha movimentos mecânicos em eixos definidos ou isolados, o treinamento funcional incorpora atividades naturais para alcançar o fortalecimento muscular e a queima de calorias. Por isso, é considerado uma alternativa atraente a quem não consegue se adaptar à rotina de treinos relativamente monótonos da musculação.

Existem vários tipos de exercícios de treinamento funcional

Os exercícios de treinamento funcional podem diferir muito entre si. Isso porque os treinos são focados nas necessidades de cada praticante e raramente se repetem. Essa condição contribui para acelerar a queima queima calórica e o fortalecimento da musculatura. As sequências de exercícios geralmente fazem uso de bases instáveis, como bolas, pranchas e bastões, acionando os músculos e as articulações de forma global. Alguns exemplos de exercícios incluem:

Avanço: em pé, com as pernas afastadas na largura dos quadris, dê um passo com a perna direita à frente e agache até que o joelho forme um ângulo de 90 graus. Retorne à posição inicial e repita o procedimento com a outra perna. As mãos se movimentam opostas às pernas.

Subida no banco: posicione-se com o corpo ligeiramente inclinado, colocando pé esquerdo em cima do banco e a perna direita no chão, estendida. Dê impulso e suba no banco, flexionando a perna direita quando estiver no alto. Repita o procedimento alternando as pernas.

Rigidez na barra fixa: para esse exercício, será necessário utilizar uma barra fixa como apoio. Se você não tem acesso à academia, pode encontrar barras em parques. Pendure-se na barra com as palmas das mãos viradas para você e os braços afastados na largura dos ombros. Em seguida, leve os joelhos em direção ao peito e mantenha a posição por pelo menos 10 segundos.

Corrida na escada: suba uma escada de aproximadamente 30 degraus rapidamente, pulando de dois em dois degraus. Em seguida, reduza a velocidade e desça de um em um.

Deixe um comentário e não esqueça de acompanhar nossa página no Facebook para receber todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
exercícios
academia
boa forma
treino funcional

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ