Exercícios e Treinos

29/05/2014 09:00 - Atualizado em 14/11/2016 05:27

Treino intenso ou leve? Site lista 5 verdades fitness

Embora algumas recomendações façam sentido, nem sempre elas servem para todos os tipos de pessoas.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já deve ter ouvido orientações como “exercícios cardiovasculares são os melhores para a perda de gordura”, “repetições ajudam a tonificar os músculos”, ou ainda “treinos de alta intensidade intercalados são os melhores”.

Embora algumas recomendações façam sentido para algumas pessoas, o site do jornal Telegraph lembra que nem sempre elas servem para todos os tipos de pessoas, com diferentes estilos de vida.

A publicação reuniu 5 verdades sobre o mundo fitness. Confira.

Dieta balanceada
Quando se fala que a boa forma tem a ver com “80% de dieta, e 20% de atividade física” existe verdade nisso. Tanto a nutrição quanto os exercícios são igualmente importantes, mas a razão pela qual a dieta deve vir na frente nesta hierarquia é porque o que, quando e quanto comemos é o que vai determinar nossa saúde em geral. E essa é a base sobre a qual vamos nos exercitar. Por isso, independente dos objetivos, a nutrição deve ser a prioridade.  

Atividade diária geral

Talvez as atividades que desempenhamos ao longo do dia sejam ainda mais importantes do que os exercícios estruturados. Quanto mais nos movemos, melhor. Não fomos projetados para ser sedentários.

Andar e carregar coisas são atos muitas vezes ignorados, mas muitas pessoas acabam voltando de um feriado mais magras e saradas, apesar de comer mais e ir menos para a academia. Como isso é possível? Se movendo mais, se estressando menos, tomando um pouco de sol – coisas que a maioria das pessoas não faz o suficiente.

Treino de resistência
Para a maioria das pessoas, a motivação para ficar magro vai além de parecer bem, mas também tem a ver com longevidade e qualidade de vida. Claro que existe a parte estética que vem com o fato de comer bem e se movimentar mais, mas isso não é tudo. Assumindo que nos movemos diariamente, um treinamento de resistência pode ser colocado acima dos exercícios cardiovasculares, porque eles nos ajudam a ganhar ou manter a força e a massa muscular, sendo que ambas tendem a declinar com a idade.

Treinamentos intervalados de alta intensidade
Este é o tipo de treino “queridinho” da atualidade, com pessoas afirmando que é superior ao tradicional cardiovascular para a perda de gordura. Na verdade, todas as formas de treino cardiovascular são benéficas, mas as principais razões para se colocar os de alta intensidade acima dos de baixa intensidade são o melhor aproveitamento do tempo e a manutenção muscular. Mas vale lembrar que nem todo mundo está pronto para as formas mais intensas dos exercícios, e a abordagem deve ser escolhida de acordo com o preparo físico de cada um.

Baixa intensidade no cardio
Nos últimos anos, este tipo de treino tem caído em desuso por mostrar-se menos efetivo do que os exercícios de alta intensidade na perda de gordura. No entanto, não se pode esquecer que eles trazem uma série de benefícios físicos e mentais, que não podem ser subestimados. É verdade que eles são mais chatos e mais demorados, mas usados apropriadamente podem trazer muitos benefícios para a saúde como um todo.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ