Exercícios e Treinos

02/03/2016 01:00 - Atualizado em 05/12/2016 08:16

Psoas: Exercite o músculo da alma

O psoas é um músculo longo que vai da coluna vertebral até a pélvis.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você sabia por que o psoas é considerado o “músculo da alma”? Ele recebe a alcunha porque é composto por um tecido sensível, que responde a estímulos como o medo, o reflexo e a excitação. Ele começa na décima segunda vértebra e vai até a pélvis, onde se junta ao músculo ilíaco para compor o iliopsoas.

O músculo reage de maneira diferente quando em harmonia com a respiração diafragmática. Assim como uma pessoa mais tranquila, livre de estresse e ansiedade, costuma respirar de maneira mais adequada, o inverso também é verdadeiro: a prática da respiração correta deixa a pessoa mais relaxada. E tudo isso se reflete na musculatura.

mulher alonga o psoas

O que é e para que serve o psoas

Como é o único músculo que liga a coluna vertebral às pernas, ele é exigido em quase todos os movimentos que envolvam os membros inferiores e sejam referentes à sustentação e ao equilíbrio. Levantar o tronco, girar o quadril e erguer a perna são as principais ações que exigem a atuação desse músculo.

Quando a nossa rotina é acelerada e sofremos o tempo todo aquela agonia de não saber se cumpriremos os prazos, há uma produção extra de adrenalina no corpo, que faz o psoas se contrair como medida preventiva. Isso acontece porque o músculo interpreta os estímulos como uma situação tensa, perigosa, e se prepara para correr ou se proteger.

Agora, quando estamos sempre sob pressão, o músculo permanece contraído, mesmo quando tentamos relaxar. Os efeitos disso são uma má postura que pode gerar dores localizadas, prejuízos nas funções dos órgãos abdominais, dor ciática, problemas de disco, degeneração do quadril e até mesmo problemas digestivos.

Exercícios para o psoas

E o que você pode fazer para não sofrer com esses problemas? A primeira medida é, evidentemente, mudar seus hábitos de modo a aliviar a tensão. Saia para passear, use calçados e roupas mais confortáveis, tome um banho relaxante, corrija a sua respiração, medite. O principal é parar de se preocupar tanto com o trabalho.

Além disso, alguns exercícios muito conhecidos podem ajudar a manter o psoas bem conservado e relaxado. Praticar o método Pilates, por exemplo, tem consequências diretas na postura e no equilíbrio corporal. As atividades são bastante terapêuticas não apenas para esse músculo, mas para o corpo como um todo.

A prática milenar da yoga também ajuda. Seu foco é harmonizar o corpo e a mente a partir do autoconhecimento, do relaxamento e da concentração, controlando a tensão e o estresse. Outras atividades que podem acabar com a tensão no músculo são o tai chi chuan e a musculação.

Além dessas, também é recomendado descansar todos os dias alguns minutos na posição conhecida como repouso construtivo. É muito simples: basta deitar de costas no chão, manter os pés paralelos à largura do quadril e dobrar os joelhos para cima, de modo que o calcanhar fique a 20 centímetros das nádegas. Não force o quadril ou a lombar; apenas relaxe nessa posição por entre dez e 20 minutos.

Gostou de saber mais sobre o músculo da alma? Então compartilhe este artigo com seus seguidores nas redes sociais! Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo. E aproveite para conferir outras dicas de atividade física aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
alongamento
postura
yoga
pilates

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ