Exercícios e Treinos

07/07/2014 01:00 - Atualizado em 10/12/2016 07:17

Defina a silhueta! Conheça 4 exercícios para perder culote e elevar sua autoestima

Exercícios para perder culote podem acabar com a gordurinha indesejada.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O acúmulo de gordura localizada é, de forma geral, um tormento para as mulheres. Entre as áreas mais comuns onde ocorrem as manifestações deste problema estão os quadris. Em resposta, existem exercícios para perder culote que podem surpreender positivamente por seus resultados.


Exercícios para perder culote têm mais benefícios

exercicios-para perder-culoteFoto: Shutterstock

Para iniciar os exercícios para perder culote, algumas atividades físicas deverão ser inseridas na sua rotina, resultando na redução dos culotes, no desaparecimento da flacidez e, consequentemente, da celulite. Tudo começa pelos exercícios aeróbicos, que são de suma importância na hora de perder as gorduras localizadas.

Como a gordura é a principal responsável pelo aparecimento dos culotes, ela deverá ser a primeira eliminada. Então, nada melhor do que apostar nos exercícios para perder culote para elevar seu batimento cardíaco, queimando a gordura e resultando em energia durante as práticas.

 

Confira exercícios para perder culote

1. Caminhada: prefira começar devagar, através de uma caminhada na esteira - faça 40 ou 45 minutos do exercício três vezes na semana. Para otimizar ainda mais a perda de gordura localizada, varie a intensidade dos exercícios para perder culote.

Durante 40 minutos, faça três minutos de intensidade forte e dois minutos de velocidade moderada. Promova isso ao longo do exercício e você terá melhores resultados.

2. Corrida: a caminhada pode e deve ser a primeira opção quando se está iniciando atividades físicas e, sobretudo, exercícios para perder culote. Após se acostumar com as atividades físicas, a corrida é uma excelente opção devido à intensidade ser maior, além de possibilitar a perda de gordura localizada de maneira mais eficaz.

3. Ciclismo: a bicicleta é uma ótima opção, e você poderá fazer da mesma forma que foi abordado anteriormente: experiente o exercício por 20 minutos, alterando um minuto de intensidade mais forte, com quatro minutos de carga moderada.

4. Musculação: mais um dos exercícios para perder culote, estimular a parte aeróbica é necessário para que ocorra o enrijecimento dos músculos. Os chamados exercícios localizados ajudarão a tonificar a área e poderão ser mais bem vistos quando a camada de gordura desaparecer.

Alguns exercícios que você pode até mesmo realizar em casa só exigirão o auxílio de uma corda e pesos. São eles: a rotação de tronco, a flexão abdominal lateral e a prancha abdominal lateral. Pense bem antes de começar a fazer exercícios para perder culote e sempre realize qualquer atividade física sob a orientação de um instrutor.

 

Como surge o culote

O culote ocorre ainda na adolescência, surgindo durante os períodos de mudanças hormonais que ocorrem nas meninas. Isto pode variar conforme o organismo, porém, costuma surgir a partir dos 18 anos, quando a adolescência está acabando.

Já após os 20 anos, salvo algumas exceções, as mulheres podem perceber que a parte posterior das nádegas fica mais flácida.

O resultado é um aumento de tamanho, além de celulites no local. Isso explica porque esse é um dos locais mais problemáticos, assim como o abdômen inferior. Mas, como tudo na vida, especialmente em se tratando do corpo, essa gordura localizada não é impossível de se eliminar.

Por isso, associar exercícios físicos a uma alimentação saudável pode diminuir os culotes e modelar seu corpo.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ