Exercícios e Treinos

14/06/2014 09:00 - Atualizado em 06/12/2016 01:30

Crossfit: treino intenso sem supervisão pode acarretar lesões

Treinamento completo, Crossfit é utilizado pelas Forças Armadas dos EUA.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Modalidade de treino relativamente recente nas academias, o crossfit tem chamado bastante atenção e conquistado muitos adeptos. Trata-se de um programa de treinamento utilizado por muitos grupos de polícia e operações táticas. Até mesmo unidades especiais das Forças Armadas norte-americanas preparam tropas com o

crossfit.

O que é o crossfit

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

O crossfit é programa de exercícios que combina levantamento de peso, ginástica olímpica e atletismo. Essas atividades trabalham todas as capacidades físicas, como resistência cardiorrespiratória e muscular, força, flexibilidade, potência, velocidade, coordenação, agilidade, equilíbrio e precisão.

Pode ser praticado por qualquer pessoa que esteja em boas condições físicas, desde que respeitada a sua adaptação fisiológica. Os conceitos do crossfit são o trabalho de capacidades ou aptidões físicas específicas, a possiblidade de realização de qualquer atividade física de maneira aleatória e o estímulo de vias metabólicas que geram energia para os exercícios.

Lesões mais comuns no crossfit

Por ser um treino extremamente intenso e puxado, o crossfit não deve ser praticado de maneira inconsequente. Devem ser tomados diversos cuidados para que o praticante não sofra lesões nos membros, articulações e coluna.

Entre os danos físicos que acometem com maior frequência os praticantes do crossfit estão: lesões nas articulações dos ombros, geralmente nos exercícios de levantamento olímpico e ginástica, que exigem grande estabilização e força; e na lombar, que decorre de alguns movimentos que não são bem executados

Antes de ingressar no crossfit

A primeira recomendação para evitar lesões e maximizar os resultados positivos do crossfit é uma orientação especializada. Existem academias licenciadas e profissionais com habilitação específica para ensinar a prática. Um mapa de locais cuja prática é regularizada pode ser encontrado neste siteOutra opção é procurar um profissional de Educação Física que trabalhe com o treinamento funcional. Ele provavelmente estará habilitado a lhe ensinar os movimentos que são utilizados no crossfit. 

Além de buscar orientação especializada, uma boa medida para começar a praticar o crossfit é prudente se submeter a avaliações físicas e médicas. O principal ponto de atenção deve ser a coluna, parte do corpo bastante exigida no treino – no agachamento e levantamento olímpico, por exemplo –, então uma avaliação ortopédica pode ser uma ideia prudente.

Dicas para evitar lesões no crossfit

Como o crossfit envolve inúmeros tipos de movimento, você precisa saber dominar muito bem a técnica de cada um. Ou seja, não basta apenas seguir o cronograma principal do treino (chamado de Workout Of the Day), mas sim aprimorar cada movimento ou postura. Boa parte das lesões, afinal, acontece porque o atleta não realizou de maneira adequada uma técnica específica.

Por último, respeite rigorosamente o tempo de cada treinamento. O treinador deve impor esses limites, e a você cabe respeitá-los. Não são poucos os atletas que pecam pelo excesso e acabam se dando mal, contraindo lesões que poderiam tranquilamente ter evitado se não se esforçassem além do devido. Portanto, não ultrapasse as cargas e siga fielmente as recomendações que lhe forem dadas. Os resultados de um programa de treinamento crossfit bem executado certamente serão surpreendentes.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ