Exercícios e Treinos

18/03/2016 12:00 - Atualizado em 05/12/2016 05:09

Coxartrose é um obstáculo para os atletas

Doença degenerativa causa desgaste na cartilagem articular e pode exigir intervenção cirúrgica.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A artrose, de forma geral, é caracterizada pelo processo degenerativo das cartilagens. Quando a doença atinge o quadril, é chamada de coxartrose. A condição pode acometer tanto jovens quanto idosos, podendo ser reflexo de movimentos inadequados, sobrecarga ou desgaste pela idade.

Essa é considerada uma das patologias mais frequentes do sistema esquelético humano. O problema é visto quase que unicamente em ocidentais, sendo praticamente inexistente entre os asiáticos, devido a comportamentos posturais. Veja como não fazer parte das estatísticas.

atleta sente coxartrose

Entenda a coxartrose

A coxartrose se caracteriza por uma alteração da integridade da cartilagem articular que reveste a região do quadril. Os primeiros sintomas envolvem dor, que pode atingir a virilha e a face interior da coxa. Em seguida, pacientes podem apresentar limitação do movimento, deformidade ao flexionar a área e, em fases mais avançadas, a claudicação, uma sensação incômoda nas pernas.

Essa é uma doença degenerativa e, por isso, pode ser diagnosticada em diferentes fases. O tratamento será determinado pela sua progressão, podendo envolver desde medidas comportamentais até artroplastia, com o uso de prótese no quadril.

No tratamento, o médico pode prescrever anti-inflamatórios, orientar à redução de peso e recomendar apoios de marcha, como muletas e bengalas, ou elevação do sapato para compensar o encurtamento funcional do membro. Além disso, fisioterapia e hidroterapia podem ser indicadas, a fim de fortalecer os músculos da região.

Já os tratamentos cirúrgicos podem envolver a artrodese, as osteotomias e, de maneira mais frequente, as artroplastias. Nesse último, o paciente passa por uma substituição total ou parcial da anca. Essa é uma intervenção de grande porte e que necessita de cuidados constantes no pós-operatório.

Como manter as articulações saudáveis

Levar uma rotina saudável reflete não somente na saúde do corpo, mas também na qualidade de vida do paciente. O fortalecimento dos músculos, por exemplo, é uma das maneiras mais eficazes de proteger ossos e articulações.

A musculação é uma das alternativas para ganhar massa magra e, ainda, aumentar o ganho de massa óssea. Para aqueles que não gostam ou não podem ir à academia, outras atividades também podem ser benéficas, tais como natação, pilates ou dança.

Além disso, para manter a saúde das articulações e dos ossos, é preciso estar de olho na postura. Ao sentar-se, as costas devem estar eretas e os pés, apoiados no chão ou com um apoio. Lembre-se, ainda, de carregar pesos menores e fazer mais viagens, caso necessário.

Por fim, a alimentação é outro fator decisivo na hora de manter o corpo saudável. Alimentos ricos em cálcio são essenciais para a formação óssea, assim como a vitamina D. Prefira um cardápio variado e equilibrado para desfrutar dos benefícios desses e de outros nutrientes.

Tirou suas dúvidas sobre a coxartrose? Deixe um comentário! Se gostou do artigo, aproveite para compartilhá-lo com seus seguidores nas redes sociais. E não se esqueça de conferir outras dicas de saúde e atividade física aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
artrose no quadril
overtraining
sintomas
tratamento

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ