Exercícios e Treinos

28/05/2015 10:03 - Atualizado em 26/11/2016 03:44

Consciência corporal determina resultados dos exercícios

Educador físico explica o conceito e dá dicas de como desenvolver melhor seus movimentos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Já ouviu falar em consciência corporal? Trata-se do conhecimento que o indivíduo tem em relação ao próprio corpo, ao espaço e ao tempo.

A expressão é muito utilizada por treinadores, bailarinos e atletas quando falam sobre sua rotina profissional, mas causa dúvidas sobre como ela é vivenciada no dia a dia. No campo da Educação Física, o conceito desse fenômeno é utilizado tanto de forma global quanto segmentada.

consciencia corporal

Aprenda sobre a consciência corporal

O educador físico Lídio Albuquerque conversou com o Vivo Mais Saudável e tirou algumas dúvidas sobre o tema. "Uma boa consciência corporal é indicativo de que o sujeito tem um controle preciso sobre a coordenação das suas diversas atividades musculares˜, esclarece o profissional.

Ele explica, também, que informações do ambiente são processadas (propriocepção) e os diversos segmentos do corpo são configurados de forma exata no espaço e no tempo, de acordo com um objetivo específico.

"Os diferentes movimentos coordenados da ginástica rítmica são um exemplo perfeito de consciência corporal. Com anos de treinamento, a atleta consegue fazer diversos cálculos das suas atividades musculares em relação ao espaço e ao tempo˜, esclarece Lídio.

Ainda segundo o profissional, há a especificidade do contexto. É possível que alguém não seja muito bom em dança, mas tenha alto controle sobre seu corpo em uma partida de futebol, por exemplo. ˜Uma boa consciência corporal é facilitadora para a aquisição de novos movimentos, possibilitando a melhoria do acervo motor, que seria sua biblioteca individual de movimentos˜, afirma.

Atualmente, a ciência considera um bom acervo motor como fator imprescindível para a melhoria e a manutenção de saúde, pois ele promove a motivação e o engajamento em diversas atividades físicas.

consciencia corporal

Seja consciente

Se você está começando uma prática de atividade física, a preocupação com sua consciência corporal é determinante para a segurança e a garantia de continuidade na prática escolhida.

"Todo movimento físico tem um objetivo específico, seja ele de locomoção, de gesto atlético ou artístico e até de reabilitação. Por esse motivo, trabalha-se a conexão mente-músculo para executar o movimento dentro da técnica correta", explica Lídio.

Um bom educador físico, instrutor de pilates, técnico de esportes, fisioterapeuta ou coreógrafo são exemplos de profissionais adequados a orientar um programa para a melhoria da consciência corporal.

Os profissionais sempre utilizam feedbacks externos, a fim de indicar o momento em que um certo grupo muscular deve contrair ou relaxar, de acordo com o objetivo.

Esse processo é bastante cognitivo no início, quando se pensa muito mais e se move muito menos.

Com treino e ao longo do tempo, o sujeito se torna mais autônomo, passando a se mover mais e a pensar menos, pois a consciência corporal já foi desenvolvida e os devidos ajustes no movimento são executados com mais facilidade.

Os limites individuais devem ser respeitados para evitar situações de risco e não sobrecarregar o organismo com movimentos desnecessários e inadequados.

Como anda sua consciência corporal? Conte para nós! E aproveite para conferir dicas de atividade física aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
esporte
corpo
coordenação
equilíbrio

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ