Exercícios e Treinos

12/11/2014 04:41 - Atualizado em 13/11/2016 02:25

Caminhada é uma boa pedida de atividade física para diabéticos

Professora de Educação Física dá dicas de como melhorar a saúde abandonando de vez o sedentarismo.

POR

ADJ Diabetes Brasil

  • +A
  • -A

O sedentarismo é um dos fatores de risco para o aparecimento do diabetes tipo 2. Mas o que é uma pessoa sedentária? É aquela que não pratica atividade física regularmente. Segundo a Organização Mundial da Saúde, para prevenir doenças e sair do sedentarismo é recomendado a prática de 150 minutos de exercícios semanais. Ou seja, 30 minutos por dia, a maior parte dos dias da semana. Ao sair do sedentarismo, a pessoa reduz o risco de doenças cardiovasculares.

Já para um resultado mais efetivo, ou seja, perda de peso, tratamento de hipertensão arterial, diminuição do colesterol, é preciso elevar essa prática. “Para quem não pratica nenhuma atividade é interessante iniciar com 10 ou 15 minutos, três dias na semana e evoluir de 5 em 5 minutos a cada duas semanas,” diz a professora de Educação Física, Isabel Cristina Dias Ribeiro.

Caminhada é uma boa pedida para sair do sedentarismo

Por ser um tipo de atividade física aeróbia (aquela que utiliza vários músculos ao mesmo tempo e em um ritmo moderado). A caminhada auxilia na prevenção e no controle de doenças metabólicas como: obesidade, hipertensão arterial, diabetes, dislipidemia e doenças cardiovasculares. Além de ser simples, de todos saberem fazer, não precisar de investimento, outra vantagem é que esta atividade acelera o metabolismo não só durante sua prática, mas também depois. Por isso, é necessário ter regularidade se o objetivo for emagrecer e melhorar a saúde.

Avalie como está seu Condicionamento Físico

Pessoas com diabetes podem e devem praticar caminhadas

A frequência da prática de caminhada por quem tem diabetes é semelhante do que pra quem não tem. É preciso que se inicie com um programa, como qualquer outra pessoa, até atingir os 150 minutos semanais e vá aumentando esse tempo para que se consiga um controle mais efetivo do diabetes.

A prática da caminhada deve ser feita no horário do dia em que a pessoa tenha mais disposição, apenas evitar períodos em que os raios solares estejam mais intensos. “É importante estar alimentado para ter energia e no caso de quem tem diabetes, não ter hipoglicemia,” diz a professora. Vale lembrar que, ao programar seu exercício, é preciso prestar atenção no pico de ação da insulina e se a prática acontecer sempre no horário de pico, é necessário ajustar a dose de insulina com o médico.

A professora Isabel finaliza: “Além das atividades aeróbicas, como caminhada e natação, é interessante trabalhar outras capacidades físicas importantes como força e flexibilidade.”

Conheça o Vivo Cuidados com Diabetes

Dicas importantes, não saia para a caminhada sem elas:

  • Tenha sempre em mãos alimentos para correção de hipoglicemia, durante a prática de exercícios;
  • Leve sempre uma garrafinha de água durante a caminhada para se hidratar;
  • Monitore sua glicemia antes, durante e após a atividade;
  • Ótimas opções de locais abertos para sua prática são parques, praças, praia e grandes avenidas;
  • Em academias você pode praticar caminhada em esteiras;
  • Se possível, faça alongamento antes e depois das caminhadas;
  • Inicie com aquecimento (2 minutos de caminhada leve, acelere até moderado – não ofegante; e desacelere nos 2 últimos minutos da atividade);
  • Use roupas leves e confortáveis (apropriadas para a transpiração);
  • Não se esqueça de usar tênis apropriado para atividade física.

Acesse Atividade Física e veja outras dicas para você não ficar parado. Mas lembre-se: Consulte seu médico antes de iniciar a prática.

Vivo Mais Saudável é informação que faz bem!

TAGS
atividade física
diabéticos
exercícios para diabéticos
diabetes
caminhada

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ