Marcos Rabello

ESPECIALIDADE

Guia de turismo

ONDE ATENDE

Contatos para trilhas por telefone

Marcos Rabello

Apresentação

Marcos Rabello é guia turístico especializado em atrativos naturais formado pela Embratur. Responsável pela empresa Trilhas do Rio de Janeiro, Marcos leva dezenas de pessoas para percorrer as mais belas trilhas e florestas brasileiras. 

O que Trata

Trilhas, aventura, atrativos naturais.

Formação Acadêmica

Guia de turismo formado pela Embratur, também tem curso de Ecoturismo realizado pela Estácio (RJ) e Capacitação pelo Parque Nacional da Tijuca. 

Cargos e Títulos

Gestor de trilhas no Rio de Janeiro.

Esporte

04/09/2015 06:00 - Atualizado em 17/11/2016 10:58

Vamos pedalar! Guia dá dicas sensacionais para praticar a atividade com segurança

Qual tipo de bicicleta escolher? Onde andar? Marcos Rabello explica tudo para você andar de bike à vontade e com segurança.

POR

Marcos Rabello

  • +A
  • -A

Pedalar não tem idade!

Para praticar de forma segura, siga essas duas dicas básicas:

- Pedale sempre no mesmo sentido da via e dos carros. Não pedale na contra-mão. Pode acreditar, é lei: Os veículos devem se manter a, pelo menos, 1,5m de distância do ciclista.

- Sinalize sempre que for realizar uma manobra, usando os braços: Se você vai para a direita, use o braço direito.   

Equipamentos de segurança

Equipe sua bicicleta com os itens obrigatórios de segurança:

- Espelho retrovisor,

- Campainha/buzina,

- Refletores (olhos de gato) dianteiros, traseiros e laterais.

- E não esqueça do kit reparo e da bomba de ar, afinal, caso ocorra um acidente, você não vai querer ficar empurrando sua bike até encontrar um borracheiro, não é?

E segurança não vale só para a bike, não! Você também tem itens de segurança para usar. Veja só:

- Capacete é indispensável,

- Use luvas apropriadas,

- Óculos protegem os olhos de terra/poeira, do vento, de insetos e pequenos objetos e do próprio sol,

- Bermuda de ciclismo é um item necessário para quem for pedalar por mais de 1 hora, elas protegem do desconforto do selim (banco). Prefira as que vêm com camada gel.

E lembre-se: Respeite o pedestre! Ele sempre tem preferência em relação a qualquer veículo.


Qual o lugar certo para pedalar?

- Não pedale nas calçadas sem ciclofaixas ou sem sinalização adequada,

- Respeite sempre a sinalização (sinais, faixas de segurança e placas de regulamentação),

- Faça da bicicleta um veículo respeitável e seguro: Faça revisões regularmente (pastilhas de freio, cabos e pneus).

É claro, esses são algumas orientações báscias para você pedalar com um mínimo de segurança!

E a bike, qual devo escolher?

Calma, não é um bicho de 7 cabeças! É como um carro ou um computador: Tudo de acordo com a sua necessidade. Você não precisa gastar R$1.000,00 ou muito mais, hoje existe até a possibilidade de você simplesmente alugar uma bicicleta! No Rio de Janeiro e em outros estados isso é possivel com toda comodidade. Caso contrário, sempre tem aquela lojinha na sua esquina te oferecendo o melhor para seu bolso. O mais importante é querer pedalar, iniciando assim uma atividade saudável, prazerosa e segura.

Locais no Rio de Janeiro para pedalar:

Hoje a cidade maravilhosa ainda está tentando se adequar à modalidade, mas há alguns lugares onde já podemos praticar numa boa: Quinta da Boa Vista, orla e calçadão, Floresta da Tijuca, ao redor do Jardim Botânico e outras tantas ciclovias que por aí estão.

Uma que recomendo para iniciantes é na própria Quinta da Boa Vista, localidade onde não tem carros por perto, as subidas são leves, as descidas agradáveis e é um lugar de fácil acesso para quase todos, uma vez que podemos transportar a bike até lá de barca, trem ou metrô nos fins de semana.

Agora, se você já tem um bom condicionamento, equipamento e uma bike mais invocada (com uma de 18 marchas você sobe numa boa), sugiro o Alto da Boa Vista, local de grande movimentação de ciclistas aos fins de semana. E tem mais: Você ainda pode entrar na Floresta da Tijuca e dar aquela refrescada em suas cachoeiras e respirar o ar puro!

Pronto? Então vamos pedalar!

Chame os amigos, tire a poeira da bike que está ali encostada e lembre-se de quando você era criança e adorava pedalar nas manhãs ou tardes de domingo.

Só para lembrar, na minha infância (anos 70/80) não tinha essas bikes modernas, pedalávamos de BMX Pantera, Brandani, barraforte sem essa de marcas. Bicicleta não é para ostentar, e sim, pedalar de pernas ao seu destino, e assim... viver mais saudável!

Gostou das dicas? Deixe seu comentário e fique ligado no conteúdo dos nossos especialistas do Vivo Mais Saudável

TAGS
andar de bike
equipamentos para pedalar
bicicleta
guia de turismo

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ