Esporte

18/12/2014 09:04 - Atualizado em 27/10/2016 07:53

Surfe promove integração total com a natureza

Interação com a natureza e integração com diferentes culturas são atrativos do surfe.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Já imaginou conhecer diferentes praias, cidades, localidades e culturas praticando um esporte? Pois essa é a rotina do surfista. Além de propiciar benefícios à saúde, em especial ao preparo físico, o surfe promove contato irrestrito com a natureza, ajudando a combater o estresse. Conheça mais sobre o esporte e descubra se ele combina com você.

Contato com a natureza é ambição

Quem se apaixona pelo surfe costuma contar histórias fantásticas a respeito dos períodos passados no mar e das viagens em busca das melhores ondas. De fato, o esporte reúne uma mística: para muitos, trata-se de um estilo de vida, e não apenas de um exercício físico.

Desbravar diferentes praias, explorar relevos desconhecidos, se aventurar em oceanos diferentes e descobrir culturas distintas faz parte do romantismo do esporte. Além disso, o conhecimento a respeito da natureza e dos processos que a caracterizam é inevitável: marés, ondulações, ventos e correntes viram tema das conversas.

surfe

Sistema cardiorrespiratório é estimulado pelo surfe

Não é novidade para ninguém que o surfe favorece o equilíbrio e a noção de coordenação motora, afinal, conseguir ficar em pé sobre a prancha, vencendo a força das ondas e, de quebra, conseguindo realizar manobras, não é tarefa simples.

No entanto, muitas pessoas ignoram os benefícios do esporte à capacidade cardiorrespiratória e aos grupos musculares superiores. Vencer a rebentação para chegar ao posicionamento ideal no mar exige muito dos braços, costas e ombros. Da mesma forma, é preciso força na região abdominal para superar a força das ondas.

Por esse motivo, o esporte também é indicado para quem deseja perder peso, mas não quer ficar confinado em academias. O gasto calórico é considerável, até porque, em geral, os praticantes do esporte passam turnos inteiros na água, o que potencializa os benefícios à forma física.

Os primeiros passos para começar no surfe

Caso você se considere um surfista em potencial e tenha interesse em começar no esporte, não esqueça de tomar algumas precauções básicas antes de abraçar a prancha e correr para o mar.

A recomendação fundamental, não custa lembrar, é ser um excelente nadador. Se você ainda não tem experiência no mar, vale a pena aperfeiçoar as braçadas antes de começar a praticar o esporte.

Além disso, é importante dar atenção à qualidade dos equipamentos, a fim de otimizar o desempenho e prevenir acidentes: prancha, roupa de mergulho e pés de pato são alguns dos utensílios à cuja escolha você deve dedicar tempo - e dinheiro.

O ideal é procurar escolas especializadas no ensino do surfe, com orientação de professores capacitados. Nas praias mais populares de nosso litoral, não é difícil encontrar alguém disposto a ensinar. Não esqueça de se certificar da qualidade dos instrutores, buscando opiniões de quem já prestou o curso ou conhece os responsáveis.

A última recomendação diz respeito à precaução: ninguém se transforma em um surfista profissional da noite para o dia. É preciso dedicação, persistência e paciência para alcançar os objetivos. Ser prudente e não arriscar a vida é fundamental, já que os perigos do mar muitas vezes surpreendem até os mais experientes.

E aí, pronto para encarar suas primeiras ondas? Então deixe um comentário! E não esqueça de ficar ligado na nossa página do Facebook para receber todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
esporte
atividade física
surf

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ