Esporte

26/09/2014 03:45 - Atualizado em 03/12/2016 07:42

Popular no exterior, beisebol desenvolve músculos e agilidade

Beisebol gasta até 400 calorias por hora e é opção de atividade física para homens e mulheres.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Muito comum em países como Estados Unidos, Japão e Cuba, o beisebol ainda encontra restrições - principalmente culturais - para se popularizar no Brasil. No entanto, assim como qualquer outra prática esportiva, traz benefícios à saúde física e mental, sendo uma excelente alternativa para homens e mulheres que desejam praticar uma atividade física alternativa.

beisebol

A origem do beisebol

A história do esporte remete a antigos jogos com bola e taco, cuja evolução se deu com o passar do tempo. O beisebol foi oficialmente inventado em 1839, no vilarejo de Cooperstown, em Nova Iorque, por um cadete da escola militar de West Point.

As regras, porém, só foram cridas em 1845, pelo norte-americano Alexander Cartwright. O primeiro jogo oficial de que se tem notícia foi disputado em 19 de junho de 1846, na própria cidade de Nova Iorque.

Embora tenha aparecido pela primeira vez nas Olimpíadas de 1912, como um esporte de demonstração, o beisebol passou a integrar o quadro olímpico apenas em 1992, nas Olimpíadas de Barcelona.

A história não durou muito: em 2005 o esporte foi cortado, deixando de integrar os jogos olímpicos de Pequim, em 2008. Cuba é a principal campeã olímpica, tendo conquistado três medalhas de ouro e duas de prata nos cinco jogos disputados.

Beisebol no Brasil

O esporte foi trazido para o Brasil em 1850, por norte-americanos que trabalhavam em empresas como Light e Companhia Telefónica, além de funcionários do consulado dos Estados Unidos.

O primeiro campeonato brasileiro de beisebol, contudo, ocorreu apenas em 1936. A partir de 1946 até o ano de 2002, os jogos foram organizados pela Federação Paulista de Beisebol e Softbol. A partir de 2003, a organização ficou por conta da Confederação Brasileira de Beisebol e Softbol.

O primeiro estádio oficial no Brasil foi o Estádio Municipal de Beisebol Mie Nishi, em São Paulo, com capacidade para 2.500 pessoas. Ele foi construído em 1958, para os Jogos Pan-Americanos de 1963.

Benefícios do esporte

- Desenvolvimento da musculatura de braços e pernas.

- Melhora da capacidade cardiorrespiratória e da coordenação motora.

- Aperfeiçoamento da agilidade e dos reflexos.

- A prática trabalha as costas, o ombro, o cotovelo, as pernas (principalmente os joelhos), os glúteos e o quadril.

- Desenvolvimento e aprimoramento da capacidade de decisão, da visão periférica e da percepção espaço-temporal.

- Gasto energético de 300 a 400 calorias por hora.

Como jogar

O campo de beisebol é formado por um quarto de círculo, com um quadrado inserido no centro. As quatro bases ficam posicionadas nos pontos de encontro entre o quadrado e o quarto de círculo. As duas equipes possuem 9 jogadores. O objetivo é marcar pontos, chamados de runs.

A dinâmica do jogo funciona assim: o pintcher (lançador) deve arremessar a bola de maneira que o batedor não consiga rebater. Quando o rebatedor acerta a bola, jogando-a para longe, tem a chance correr para as bases.

Os interceptadores do time adversário (fielders) devem pegar a bola e jogar na direção das bases para os jogadores de sua equipe, evitando o progresso do jogador que rebateu. Se o batedor conseguir percorrer todas as bases, o ponto é computado.

Uma partida é composta por 9 entradas (ataque e defesa alternados). Cada entrada termina quando os três batedores são substituídos, fato que ocorre se o ponto não é marcado após três arremessos.

Pensando em aderir a esse esporte? Não esqueça de deixar um comentário e curtir a nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
esportes
esportes ao ar livre
exercícios

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ