Esporte

12/02/2016 06:00 - Atualizado em 07/11/2016 09:16

De amador a atleta profissional: Confira o passo a passo

Quando o esporte deixa de ser um hobby, é preciso comprometimento.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Se você adora praticar atividades físicas e possui um bom desempenho, a ideia de se tornar um atleta profissional já deve ter cruzado a sua mente. Para embarcar nessa jornada, porém, é preciso estar pronto para uma rotina de disciplina e muito esforço.

Para lhe ajudar na decisão, o Vivo Mais Saudável reuniu algumas dicas práticas. Confira abaixo e descubra se essa é a carreira certa para você.

atleta na piscina

6 dicas para se tornar um atleta profissional

1. Encontre o esporte certo

Antes de tornar-se um atleta profissional, você deve conhecer bem o esporte no qual vai se especializar. Ter um bom desempenho amador é um passo importante para o sucesso na atividade escolhida. Busque algo que lhe proporcione prazer, mas reconheça as potencialidades e as limitações do seu corpo.

2. Busque um treinador qualificado

Para progredir no esporte escolhido, você deve se cercar de pessoas qualificadas. Procure um treinador apto para administrar uma rotina de exercícios e de preparação física. Mesmo que o atleta tenha talento, sem o apoio de um técnico ele pode acabar desperdiçando suas qualidades.

3. Esteja pronto para uma rotina diferente

Enquanto esportista amador, os treinos são bem mais flexíveis, já que essa não é a prioridade. Porém, ao escolher esse estilo de vida como profissão, você deve estar consciente de que sua rotina sofrerá mudanças. Treinos diários, alimentação regrada e muito esforço físico farão parte do dia a dia.

4. Participe de competições

Não adianta você treinar diariamente e não colocar suas habilidades em teste. Para isso, participe de competições. Inicialmente, você pode procurar por campeonatos regionais e, de acordo com o seu crescimento no esporte escolhido, ir aumentando a dificuldade e o nível de competição.

5. Conte com o apoio da família

Para quem quer seguir o sonho de se tornar um atleta profissional, o apoio familiar é muito importante. Os mais próximos devem compreender que cada esforço durante o dia a dia é necessário e refletirá positivamente nos seus resultados. Além disso, pais, irmãos e outros membros da família são incentivadores naqueles momentos em que o bate o desânimo.

6. Estabeleça metas

Até onde você quer chegar? Para manter seus planos em ordem, é necessário estabelecer metas, desde os resultados nos treinamentos até a vitória em determinada competição. Essa é uma forma de se manter motivado em meio aos desafios do cotidiano.

Em busca do patrocínio

Conforme você cresce dentro do esporte escolhido, mais olhares se voltam para você. Esse é um bom momento para encontrar um patrocinador. Afinal, os custos de vida de um esportista não são baixos. Eles envolvem, por exemplo, a manutenção de equipamentos e os gastos com viagens para competições.

O contrato com determinada marca ou empresa estabelecerá certas obrigações, como o uso do logotipo nas roupas ou no equipamento, a presença em eventos e até mesmo a participação em comerciais. Informe-se bem sobre os direitos e os deveres de ambas as partes e continue se esforçando para conquistar uma carreira de sucesso.

Você acredita que o esporte é a opção certa para você? Qual modalidade você pratica? Deixe um comentário! E continue de olho nas dicas de atividade física do Vivo Mais Saudável.

TAGS
competição
carreira
treinamento
esportista

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ