Esporte

30/03/2016 05:00 - Atualizado em 15/10/2016 07:56

Crie uma trilha de mountain bike e parta para a aventura

A modalidade garante músculos fortes e coração saudável.

POR

Redação

  • +A
  • -A

No inglês, “mountain” quer dizer “montanha” e “bike”, bicicleta. Ou seja, mountain bike é a “bicicleta de montanha”. A modalidade esportiva do mountain biking, como já prevê o nome, é realizada em terrenos de subidas e descidas com obstáculos.

Estradas de terra ou de barro, trilhas e fazendas são os ambientes favoritos dos atletas que gostam dessa aventura sobre duas rodas. Porém, quem deseja ter uma mountain bike precisa adaptar seu veículo - afinal, elas são muito diferentes das bicicletas comuns. Saiba como fazer uma trilha, conheça os cuidados na hora de praticar e descubra os benefícios desse esporte.

atleta usa mountain bike para pedalar na montanha

Mountain bike exige aparato de segurança

A estrutura de uma mountain bike conta com pneus mais grossos e com cardados para reduzir o impacto e aderir no terreno lamacento. Amortecedores frontais e traseiros para possibilitar maior controle, acompanhados de quadros reforçados e resistentes, também compõem a peça.

Além disso, o guidão deve ser mais alto para que a posição do ciclista fique menos inclinada e mais confortável. As marchas também devem ser maiores, chegando até 27 ou 30 para melhorar a pedalada. Isso tudo garante uma prática mais segura e correta do esporte.

Para proteger o praticante, é necessário utilizar equipamentos de segurança como capacete e óculos, evitando assim respingos, pedrinhas e insetos que atinjam a vista. As luvas garantem a firmeza na hora de segurar o guidão e a roupa deve ser, de preferência, em tecido coolmax, que absorve e evapora o suor.

Preferem-se, ainda, sapatilhas para prender no pedal e bermudas feitas com traseira acolchoada. Quanto melhor equipado, menores os riscos de lesões. O mountain biking é bastante perigoso, em função da força exigida e da dificuldade do percurso.

Aventure-se numa mountain bike

Depois de equipar sua mountain bike, prepare-se para praticar o esporte em montanhas ou trilhas. Se quiser treinar antes de subir um obstáculo real da natureza, faça um trajeto nas proximidades de sua casa ou utilize materiais como rampas móveis e pneus, para pular e usar como circuito.

O ideal para os ciclistas da montanha é subir ladeiras de paralelepípedo, já que o grau de dificuldade é maior e o terreno é acidentado como o dos aclives montanhosos. Alguns parques também permitem que se ande de bicicleta em seu interior, o que facilita os treinos.

Uma das modalidades mais comuns feitas com mountain bike é o downhill, quando todo o percurso é realizado em descida na maior velocidade possível. O uphill, por outro lado, é uma corrida que se faz subindo a rampa. Já o freeride possibilita experimentar manobras testando sua bike, passando por trilhas, obstáculos, rampas e barrancos.

Segundo uma pesquisa do Centro de Saúde da Universidade Alemã do Esporte, andar de bicicleta é um excelente exercício cardiovascular e fortalece o coração. Além disso, os músculos e as articulações ganham melhor funcionamento e mais tonicidade. No caso do mountain biking, esses benefícios são intensificados, já que a exigência do atleta é muito maior.

Bastam 30 minutos diários praticando a atividade física para notar a melhora na musculatura do quadríceps e dos glúteos. Peito, costas, ombros, coxas e panturrilhas também sentem os efeitos do exercício, que é excelente para manter o corpo em boa forma e pleno funcionamento.

Que tal experimentar a modalidade? Conte-nos o que você acha! E aproveite para conferir outras dicas de esporte e saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
bicicleta
montanha
trilha de aventura
BMX

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ