Esporte

04/11/2014 05:19 - Atualizado em 06/12/2016 11:38

Conheça os tipos de luta e escolha o seu preferido

Existem diversos tipos de luta para quem busca condicionamento físico e defesa pessoal.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Antigamente, as lutas eram esportes exclusivamente masculinos, pelo nível de brutalidade e pelo confronto constante que as caracterizava. Hoje em dia, porém, com a possibilidade de eliminar o combate direto, diferentes tipos de luta vêm conquistando a ala feminina pela promessa de tonificar os músculos e emagrecer sem realizar exercícios repetitivos e monótonos, como ocorre em academias.

Antes de entrar no ringue ou pisar no tatame, é preciso entender no que as modalidades diferem entre si, optando por aquela mais adequada ao seu perfil. Para ajudá-lo nessa escolha, reunimos uma lista com as principais lutas praticadas no Brasil.

Os quatro principais tipos de luta

1. Karatê

Com técnicas para competir e aprimorar a defesa pessoal, o karatê traz benefícios para o corpo e, ao mesmo tempo, trabalha a mente. Os detalhes são fundamentais nesse esporte, já que a menor desatenção tende a virar o jogo, o que exige uma capacidade muito grande de concentração. O foco nos socos e chutes com o joelho elevado faz com que a atividade trabalhe o corpo de uma forma global. Em torno das 800 calorias são gastas em uma hora de prática, a exemplos de quase todos tipos de luta.

2. Judô

O foco do judô é derrubar e imobilizar o adversário, sem, no entanto, fazer uso de golpes diretos para isso. É preciso fazer muita força com tronco e braços para desequilibrar ou prender o oponente em uma posição desfavorável a ele. Além disso, o judô é um dos poucos tipos de luta que conserva a tradição oriental, tendo a disciplina como um dos principais pontos a serem respeitados, fato que, juntamente com valores como respeito e humildade, leva muitos pais a matricularem os filhos. O gasto calórico da aula de uma hora fica entre 700 e 800 calorias.

3. Boxe

Um dos principais benefícios do boxe está na movimentação constante, característica fundamental do esporte. Dessa forma, são trabalhados os grupos musculares inferiores e superiores, além do abdômen e da lombar. É uma luta completa. Atualmente, praticar boxe não significa necessariamente ir para o confronto direto e enfrentar adversários em busca de medalhas: há academias que trabalham apenas com treinos, otimizando o preparo físico. Em uma hora de treino, é possível queimar até 800 calorias.

4. Muay Thai

A aula começa em alto ritmo, pois o aquecimento envolve polichinelos, exercícios com corda e saltos, garantindo, já de início, um gasto calórico relevante. Durante o enfrentamento, um círculo de ação é delimitado para cada um dos lutadores, o que exige movimentos explosivos. Como o foco são os chutes desferidos com a ponta do pé, a prática fortalece, principalmente, pernas e glúteos, além da parte central do tronco e o abdômen, que são exigidos para estabilizar os membros. O gasto calórico fica próximo de 800 calorias.

Conhecer os diferentes tipos de luta é fundamental

Ao conhecer os tipos de luta praticados no Brasil, o praticante em potencial pode escolher por aquele que mais se adequa ao seu perfil e aos seus objetivos. Além disso, é importante estar bem informado para optar por uma modalidade que lhe traga prazer, transformando o exercício físico em um lazer, e não uma obrigação.

Apenas assim será possível encarar a rotina de treinos com dedicação integral, otimizando os resultados. A maioria das academias oferece aulas de demonstração gratuitas para conhecer o esporte. Faça uso delas e, se estiver em dúvida, procure mais de uma modalidade e diferentes academias.

Gosta das nossas dicas de atividade física? Então deixe um comentário! E não esqueça de acompanhar nossa página no Facebook para receber todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
luta
atividades físicas
karatê
esporte

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ