Esporte

17/07/2014 05:30 - Atualizado em 02/12/2016 10:26

Acro yoga mistura acrobacias com yoga

Exercícios em grupo do acro yoga são a nova tendência para quem quer relaxar.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Em um primeiro momento, a técnica acro yoga pode parecer difícil de ser executada. Afinal, como misturar as costumeiras meditações e relaxamentos com movimentos de circo? O que parece impossível na verdade é um ótimo exercício em grupo, o qual, além de acalmar e servir de reflexão, também treina o entrosamento com o parceiro, aprimorando o espirito cooperativo.

Como praticar acro yoga

acro-yogaFoto: Shutterstock

A acro yoga precisa de pelo menos duas pessoas para ser realizada, podendo ser feita entre três ou mesmo pequenos grupos. Necessita uma grande harmonia por parte dos praticantes, afinal um precisa do outro para ter sucesso.

Aprender a conhecer o próprio corpo é um dos principais prazeres dessa técnica, afinal, ninguém quer cair sobre o colega. Então, os movimentos são feitos com cuidado e precisão, bem semelhante ao que é feito em acrobacias de circo, mas aqui são focados na união dos corpos e não na velocidade do espetáculo.

Um dos maiores obstáculos de quem pretende praticar a acro yoga é o medo. O medo de cair, de ficar suspenso no ar e de ter de sustentar alguém no ar são, no início, os principais entraves para os novos praticantes.

Porém, com o treino, dedicação e imersão total nessa atividade, supera-se esses medos. Mas, enquanto, não se tem segurança total para fazer todos os movimentos, o recomendado é que tudo seja feito sob a orientação do instrutor.

Movimentos da acro yoga

Os primeiros movimentos da acro yoga costumam ser aeróbicos, visando os exercícios físicos. Na parte final, o foco fica nas posições terapêuticas. Confira alguns dos principais movimentos, lembrando que antes de começar, é indicado fazer um alongamento, para acostumar a circulação, liberar a articulação e evitar qualquer tipo de problema muscular:

- Ângulo de 90°: é um dos movimentos mais "lights" da acro yoga. A primeira pessoa deita na prancha, com apenas as mãos e a ponta dos pés no chão. Com o tronco, braços e pernas eretos. A outra pessoa, então, repete o movimento, no sentido oposto, em cima do parceiro. Nas primeiras tentativas, exigirá bastante equilíbrio, porém, com o tempo, ele poderá ser feito com naturalidade.

- Mesa: a primeira pessoa fica na prancha em uma posição semelhante à de uma mesa, com apenas as mãos e pés encostando no chão e com a barriga apontando para o céu. A segunda etapa consiste na outra pessoa repetir o movimento em cima do parceiro. Quando o movimento está finalizado, ambos devem relaxar os corpos e soltar o pescoço, sem medo de perderem o equilíbrio e caírem.

- Voando: essa postura já virou febre na internet, com diversas celebridades postando imagens a praticando. O parceiro mais forte deita no chão, curva os joelhos e coloca os pés na cintura do parceiro, que deve estar imediatamente a sua frente. Com as mãos dadas para ajudar na erguida e principalmente no equilíbrio, usa-se a força dos pés para colocar o colega no alto, dando a sensação de estar voando.

Existem ainda muitos outros movimentos da acro yoga, mas estes são os mais iniciais. Mas já dá para ter uma noção de como o trabalho em equipe é necessário, não é mesmo? A técnica é também um ótimo tratamento para casais em crise, sem nem precisar usar uma única palavra.

Você já fez algum tipo de yoga? O que que você achou da aula? Conte-nos um pouco sobre a sua experiência.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ