Sem Lactose

14/02/2015 02:21 - Atualizado em 30/11/2016 01:51

Queijos sem lactose existem: Saiba quais utilizar no seu cardápio

Os queijos sem lactose são saborosos e podem ser usados em várias receitas.

POR

Redação

  • +A
  • -A

A intolerância à lactose restringe bastante o cardápio. Tendo que diminuir ou até zerar a ingestão de leite e derivados, o indivíduo que vive com essa realidade deve procurar alternativas para se alimentar bem. Confira uma lista de queijos sem lactose ou com pouca quantidade da substância.

queijos sem lactose

Lista de queijos sem lactose

Os queijos fazem parte de receitas dos mais diversos tipos. Para animar quem está enfrentando a intolerância, separamos uma lista de queijos sem lactose que podem ser incluídos na dieta. Confira quais são eles e quantidade da substância em cada um:

- Gorgonzola (0 a 2,5%)

- Brie (0 a 2%)

- Camembert (0 a 1,8%)

- Edam (0 a 1,4%)

- Gouda (0 a 2,2%)

- Muenster (0 a 1,1%)

- Parmesão (0 a 3,2 %) 

- Provolone (0 a 2,1).

Como aproveitar os queijos sem lactose?

Se você deseja adicionar os queijos sem lactose à dieta, mas tem medo de ainda encontrar problemas, a melhor solução é conversar com seu nutricionista. Para não errar, vá ao consultório e faça o exame de diagnóstico da intolerância. A partir dele, o profissional irá criar uma deita deliciosa e completa.

Jamais invente dietas milagrosas para diminuir a substância. O leite, além de muito saboroso, contém importantes nutrientes para o nosso organismo. Para suprir a necessidade de cálcio e outros elementos, é possível que o nutricionista indique vitaminas diversas e receitas específicas com leites e queijos sem lactose.

Para identificar se o alimento que você escolheu no mercado é lactose free, você deve fazer pesquisas na internet. Já existem leites, iogurtes, leites condensados, creme de leite e queijos sem lactose disponíveis nas gôndolas de mercados.

O que é a intolerância à lactose?

A intolerância à lactose é a dificuldade do organismo para digerir o açúcar existente no leite e em todos os seus derivados. Esse problema é visto em indivíduos que não produzem ou não contam com a quantidade suficiente de lactase, enzima capaz de desmembrar a lactose existente nos alimentos.

Por conta da dificuldade, o organismo acaba não digerindo a substância, acumulando-a. Após algum tempo, a substância começa a passar pelo processo de fermentação, ação causada pelas bactérias que fabricam o ácido lático.

Pesquisas estimam que 70% dos brasileiros possam viver com um grau, mesmo que mínimo, de intolerância à lactose. O problema pode aparecer em qualquer momento da vida. Os sintomas mais vistos são inchaço na região do abdômen, dores de barriga, diarreia, gases, enjoo e vômito. No caso de diarreias fortes, podem ser notadas queimaduras na região anal.

O tratamento para a doença ainda não existe. A única forma de diminuir os sintomas é deixando de lado todos os pratos que contenham lactose. Para pode se esbaldar, a enzima lactase pode ser encontrada em cápsulas, mas por um valor um pouquinho salgado.

Gostou das dicas? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
intolerância
alimentos
lactase
lactose

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ