Sem Lactose

26/05/2015 05:14 - Atualizado em 05/12/2016 05:07

Cápsulas de lactase possibilitam o consumo de laticínios

A suplementação dessa enzima reduz os efeitos da intolerância à lactose.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O leite e seus derivados estão presentes em muitos alimentos consumidos no dia a dia. Mas você já imaginou sentir sensação de inchaço, náusea e gases ao ingerir um simples copo de leite ou um pedaço de queijo? Pois essa é a realidade dos intolerantes à lactose. Para aliviar esses sintomas e possibilitar uma dieta sem restrições, uma solução são as cápsulas de lactase.

Essa suplementação contém a enzima que é deficiente ou ausente no organismo de intolerantes à lactose. Ela ajuda a quebrar o açúcar do leite e facilitar a absorção pelo intestino sem causar efeitos colaterais. Saiba mais sobre o consumo desse produto.

lactase

Entenda como funcionam as cápsulas de lactase

As pessoas que possuem intolerância à lactose têm deficiência ou ausência de uma enzima intestinal chamada lactase, que é responsável por decompor o açúcar do leite em carboidratos mais simples, facilitando a absorção pelo intestino. A ingestão de leite e de produtos lácteos por intolerantes pode causar dores abdominais, flatulência, inchaço e diarreia.

Segundo o Ministério da Saúde, o problema atinge cerca de 25% dos brasileiros. A intolerância pode nascer com a pessoa ou surgir com o passar dos anos. Não existe tratamento para aumentar a lactase do organismo, mas é possível fazer a suplementação da enzima digestiva por meio de cápsulas que contenham a substância.

Os suplementos atuam no organismo de forma natural, ajudando a quebrar a lactose, o açúcar presente no leite. Com a absorção mais fácil, os sintomas da intolerância são reduzidos e até eliminados completamente, dependendo do grau de cada caso.

Indicações e contraindicações da lactase

A suplementação de lactase é indicada apenas para pessoas com intolerância à lactose. A quantidade que deve ser ingerida varia de acordo com cada caso, pois ela é uma enzima que já está presente no corpo, em maior ou menor grau.

Por isso, na hora de utilizar o suplemento, é preciso levar em consideração a quantidade de lactase que o organismo produz, o quanto de lactose que será ingerido, a capacidade do organismo na digestão de alimentos e a a quantidade de lactase que a cápsula possui.

É indicado sempre consultar um médico para que ele ajude na indicação da melhor maneira de consumir as cápsulas. Em geral, elas devem ser tomadas 30 minutos antes da ingestão de leite e produtos lácteos. Existe ainda a versão em pó, que pode ser adicionada aos alimentos.

No Brasil, o suplemento é encontrado somente em farmácias de manipulação, pois, de acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a enzima é um medicamento de origem biológica.

Existem contraindicações ao uso das cápsulas. Algumas pessoas podem ser alérgicas à lactase também, apresentando urticária, erupções cutâneas, pruridos, inchaço na pele, dores no peito e problemas respiratórios ao ingerir a enzima. A substância também não é indicada para gestantes e hipertensos.

Você tem intolerância à lactose? Como você lida com isso? Conte para nós! E aproveite para conferir dicas de alimentação aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
lactose
intolerância
leite
alergia

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ