É Bom Pra Quê?

14/07/2015 02:15 - Atualizado em 03/12/2016 03:07

Toranja pode ser um perigo para quem toma medicamentos

Embora rica em nutrientes, a fruta pode interferir em alguns tratamentos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Com um sabor ácido e levemente adocicado, a toranja, também conhecida como grapefruit, é parente próximo da laranja e do limão. Assim como essas frutas, também possui uma série de benefícios para a saúde.

Para quem busca uma alimentação saudável, vale ficar de olho nos pontos positivos desse alimento. No entanto, estudos mostram que o consumo da fruta deve ser regulado e evitado por indivíduos que estejam em tratamento medicamentoso. Entenda por quê.

toranja

Os benefícios da toranja no organismo

A nutricionista Bianca Genoese explica que a toranja é rica em vitaminas A e C, potássio, folato e também fibras. Dentre seus benefícios, a profissional lista:

- Melhora a imunidade

- Auxilia o bom funcionamento do intestino

- Combate os radicais livres

- Estimula o sistema linfático

- Protege o coração das doenças cardiovasculares

- Intensifica o metabolismo e, consequentemente, a queima calórica.

As enzimas presentes na toranja, com alto teor hídrico e baixa quantidade de sódio, contribuem na metabolização da gordura. Os componentes, quando combinados, são poderosos no auxílio da perda de peso de forma saudável.

Os cuidados no consumo

Os oxidantes presentes na toranja são muito eficazes na diminuição dos níveis de colesterol, mas, se você faz uso de medicamentos para redução ou tratamento de depressão, alergias, palpitação ou outras condições, a fruta pode reagir negativamente em seu organismo.

"Já ficou comprovado que a grapefruit interage com vários medicamentos e é preciso estar atento para não fazer de seus benefícios um malefício à saúde. Para quem não está em tratamento médico, utilizando algum tipo de medicamento, o seu uso se torna benéfico", comenta Bianca.

Em 2013, o pesquisador canadense David Bailey publicou uma lista com os medicamentos que reagem ao suco de toranja. Nela, constam cerca de 85 itens que não devem ter seu consumo aliado à fruta. Além disso, o estudo mostra que, mesmo com quantidades pequenas, algumas pessoas podem sofrer efeitos colaterais.

toranja

Receita: Salada de toranja e espinafre

Se você não está em meio a nenhum tratamento medicamentoso, aproveite os benefícios da toranja e prepare uma receita nutritiva. Uma alimentação saudável reflete positivamente no organismo, na beleza e no bem-estar. Que tal provar essa delícia?

Ingredientes:

- ½ cebola cortada em rodelas

- 3 toranjas

- 340g de espinafre

- 6 dentes de alho

- 1 maçã verde cortada em cubos

- 2 colheres de sopa de vinagre de cidra

- 3 colheres de sopa de azeite

- 1 colher de sopa de mostarda

- ½ colher de sopa de mel

- Sal e pimenta preta moída a gosto

- 2 colheres de sopa de sementes de gergelim.

Modo de Preparo:

Coloque a cebola numa tigela pequena e cubra com água fria. Deixe-a absorver água durante dez minutos e enxugue.

Enquanto isso, com uma faca afiada, descasque a toranja e aproveite só o interior da fruta. Corte-a em pedaços. Faça isso dentro de uma tigela para aproveitar o sumo. Reserve um terço do suco da fruta.

Leve o alho para uma panela pequena e cubra com água. Cozinhe em fogo brando por cerca de três minutos, ou até amolecer. Enxugue e reserve.

Misture o vinagre, o azeite, a mostarda, o mel, o alho cozido e o sumo da toranja. Triture até obter um molho cremoso. Caso fique muito grosso, acerte com um dos ingredientes líquidos, de preferência o suco da fruta.

Junte o espinafre, a cebola e a toranja numa saladeira. Misture o molho com os ingredientes sólidos e salpique a salada com as sementes de gergelim.

Você já experimentou essa fruta? Gostou? Deixe um comentário! E aproveite para conferir mais dicas de saúde e alimentação aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
vitamina c
fruta cítrica
grapefruit
salada

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ