É Bom Pra Quê?

04/01/2016 01:00 - Atualizado em 03/12/2016 11:36

Noz da Índia emagrece? Tenha cuidado para não confundir

A inclusão da semente na sua dieta pode ajudar na perda de peso.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Para quem quer perder peso, recorrer a alimentos que ajudam a queimar a gordura corporal é uma ótima opção. Quando consumida corretamente, a noz da Índia é uma alternativa bastante popular.

Mas será que noz da Índia emagrece mesmo e pode se tornar uma aliada na luta contra a balança? Há quem experimente e atribua a ela esse e outros benefícios para a saúde, como efeitos terapêuticos contra a febre, inflamações e asma.

Porém, a noz vem sendo confundida com outra semente, a chamada chapéu de napoleão, que é altamente tóxica e não indicada para consumo. Por isso, é preciso ficar atenta antes de ingerir qualquer tipo de planta ou semente ornamental.

Noz da Índia emagrece mesmo?

A noz da Índia é a semente do fruto da árvore Nogueira-de-Iguape, de origem indonésia e que se tornou muito conhecida no Brasil devido à crença de que ajuda na perda de peso, benefício atribuído a propriedades que auxiliam na queima de gordura corporal

Outros efeitos positivos da semente seriam o combate à celulite, controle do colesterol, prevenção da prisão de ventre, diminuição da ansiedade e da fome, entre outros. Segundo estudos da Universidade Federal de Santa Catarina, vários extratos de noz da Índia apresentam atividade antibacteriana, além de ações anti-inflamatórias e analgésicas.

O consumo da noz deve ser feito com moderação. É indicado partir a semente em oito partes iguais, e ingerir apenas uma parte por dia. Após, deve-se beber bastante água durante o dia, pois a semente possui efeito diurético e laxante. O máximo recomendado é consumir ¼ da semente por dia.

Noz da Índia

Cuidados para consumir a noz

Apesar de se considerar que a noz da Índia emagrece e traz diversos benefícios para a saúde, o seu consumo é contraindicado para crianças de até 15 anos, grávidas, lactantes, maiores de 65 anos, alérgicos a antibióticos, pessoas com problemas de úlcera, pressão alta ou problemas de coração.

Quando consumida de forma adequada e moderada, a noz da Índia ajuda no controle do peso e não apresenta efeitos colaterais.

Saiba Mais
Semente de chia ajuda a reduzir a gordura corporal
Semente de abóbora faz bem para o sono
Castanhas e Sementes: Nutricionista apresenta benefícios para sua ceia

O problema é que ela é muito semelhante à chamada "falsa noz", o chapéu de Napoleão, uma semente que tem efeito tóxico à presença de grandes concentrações de glicosídeos cardiotônicos, que afetam a saúde. É considerada um veneno, e seus efeitos colaterais dores musculares e de cabeça, diarreia e vômito. Por isso, há que se ter muito cuidado para não os confundir. E a melhor maneira para isso é comprando em um local de confiança.

De qualquer forma, a inclusão de uma semente como a noz da Índia na sua alimentação deve ser precedida de uma visita a um nutricionista. Esse profissional vai dar as melhores dicas para você montar o seu cardápio e poderá apresentar alternativas confiáveis de alimentos com propriedades importantes para a sua dieta. Lembre-se: adotar um regime sem o devido acompanhamento não é uma medida recomendável.

Curtiu as dicas para quem está em dúvida se a noz da Índia emagrece e se o seu consumo é seguro? Compartilhe.

TAGS
semente
noz
dieta
perder peso

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ