É Bom Pra Quê?

23/09/2015 01:04 - Atualizado em 06/12/2016 12:39

Guajiru reduz inflamações e pode diminuir risco de câncer

Pesquisa indica que substâncias da fruta podem atuar contra radicais livres.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já ouviu falar no guajiru? Trata-se de um fruto amazônico cujas substâncias podem combater processos inflamatórios relacionados ao câncer.

A descoberta do uso dessa frutinha ainda tão pouco aproveitada foi apresentada numa pesquisa conjunta da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP), da Universidade de São Paulo e da Texas A&M University, dos Estados Unidos, conduzida pelo pesquisador Vinícius Venâncio.

Testes feitos em animais e em células humanas mostraram que as antocianinas, compostos químicos extraídos do fruto, têm ação anti-inflamatória e antimutagênica. Com isso, há forte influência na diminuição dos radicais livres, o que evita a destruição de células saudáveis.

mulher bebendo suco de guajiru

Benefícios do guajiru

Sendo o guajiru pouco aproveitado, não existem muitos relatos sobre seu consumo. Sabe-se que ele é comum em áreas costeiras, por isso há registros da presença do fruto em estados como Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco e Pará. In natura, a fruta é comestível e usada no preparo de bebidas e de doces, como geleias e compotas.

As folhas do guajiruzeiro são usadas na medicina popular por ajudar no combate aos altos níveis de glicose do sangue, benefício também já registrado pela comunidade científica. Quanto ao fruto, segundo os pesquisadores, sabe-se somente que ele tem antocianinas.

Assim, o estudo citado foca nos mecanismos dos compostos da fruta nos processos de instabilidade genética e inflamação, descritos como precursores da carcinogênese (câncer) e da fisiopatologia de doenças crônicas.

Arma contra o câncer

Nos testes com ratos, os cientista usaram o guajiru inteiro, com casca e polpa. Os efeitos foram observados nas células do sangue e da medula óssea. Os animais receberam tratamento com todos os compostos da fruta.

Os estudiosos destacam os compostos fitoquímicos, o selênio e o magnésio, que podem ser os responsáveis pelos efeitos benéficos registrados nas cobaias durante o experimento.

Saiba Mais
Conheça 3 receitas do Amazonas para fazer em casa
Lichia: Conheça mais sobre essa fruta exótica
Pitaia: Conheça os benefícios da fruta do dragão

A antocianina é um composto químico que responde pela coloração arroxeada ou avermelhada de frutas e de outros vegetais. No guajiru, encontram-se grandes concentrações de glicosídeos de delfinidina, cianidina e petunidina.

Essa pesquisa é o primeiro registro do estudo dos efeitos da fruta e também a primeira em que as antocianinas isoladas do guajiru mostraram efeito anti-inflamatório em células cancerosas humanas. Apesar das boas notícias, ainda há um longo caminho a ser percorrido até que esses compostos químicos sejam transformados em remédio, por exemplo.

O que você achou da pesquisa? Deixe seu comentário! E aproveite para conferir outras dicas de nutrição e saúde aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
câncer
inflamação
Amazônia
frutas

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ