É Bom Pra Quê?

04/02/2015 05:15 - Atualizado em 09/12/2016 09:37

Aproveite os benefícios do azeite de oliva na sua dieta

Além de melhorar a saúde do coração e dos ossos, o azeite de oliva ajuda a prevenir o câncer.

POR

Redação

  • +A
  • -A

O azeite de oliva possui gorduras boas e é livre das ruins. Fonte de vitaminas e minerais variados, ele oferece muitos benefícios para a saúde, ajudando na prevenção de doenças e no funcionamento do organismo. É indicado o seu consumo diário, mas em pequenas quantidades e de forma moderada, pois ele é bem calórico.

azeite de oliva

O melhor tipo de azeite de oliva é o extravirgem, pois tem baixo nível de acidez, sendo o mais benéfico para a saúde. Nessa opção, o azeite possui vitaminas A, D, K e E, além de ferro, cálcio, magnésio, potássio e aminoácidos. Por isso, faz bem para pele, olhos, ossos, células e sistema imunológico, ajudando a prevenir até o câncer.

Naturalmente livre de colesterol, sódio e carboidratos, é o único tipo de azeite que mantém seus nutrientes durante o processo de refinação - ao contrário dos demais, que recebem solventes químicos. Além disso, o azeite de oliva facilita a digestão e absorção de nutrientes, incluindo importantes vitaminas lipossolúveis.

Principais benefícios do azeite de oliva

Previne o envelhecimento precoce

Como o azeite é rico em antioxidantes, ele retarda o processo de envelhecimento celular, mantendo a pele longe das rugas. E não é só isso: a opção ainda tem propriedades anti-inflamatórias, podendo ser usada como um hidratante facial para quem tem a pele seca ou os lábios rachados.

Protege o coração

Outro benefício do azeite de oliva é a sua contribuição para a saúde do coração e da circulação sanguínea. Ele age na redução da formação de placas ateromatosas, que são responsáveis por entupir os vasos sanguíneos e as artérias. Ele também é rico em vitamina E, ajudando a evitar o câncer e doenças cardíacas.

Controla os níveis de colesterol

O azeite é um dos alimentos mais ricos em gorduras monoinsaturadas, que ajudam a controlar os níveis de gordura no sangue. Se consumido moderadamente, ele auxilia na redução do colesterol ruim (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL).

Evita osteoporose

O alimento ainda contribui para a saúde dos ossos, melhorando a mineralização óssea e a calcificação. Ele possui uma substância chamada oleuropeína, que é anti-inflamatória e ajuda na absorção de cálcio pelo organismo. Com isso, auxilia no tratamento e na prevenção da osteoporose.

Indicações de consumo do azeite de oliva

Devido a todos esses benefícios, o azeite de oliva, principalmente o extravirgem, é indicado para consumo diário. Por ser prensado a frio, o extravirgem é tão puro que pode ser comparado a um suco de frutas, pois preserva os antioxidantes da azeitona, os polifenóis e a vitamina E.

Uma dica é temperar a salada ou adicionar o azeite em carnes e receitas - sempre que possível, no final do preparo. Porém, é preciso ter cuidado para não exagerar na quantidade, pois ele possui cerca de 90kcal por colher de sopa. O ideal é consumir aproximadamente 30g de azeite por dia.

Gostou das dicas de alimentação? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
dieta
alimentação saudável
ingredientes naturais
antioxidante

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ