Dietas

10/02/2016 01:00 - Atualizado em 01/12/2016 10:10

Veja como montar um cardápio para emagrecer

Perder peso não significa comer pouco. O segredo está na qualidade dos alimentos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

É difícil encontrar uma mulher que não queira perder alguns quilinhos. Muitos homens também sabem que ficar de bem com a balança significa mais saúde e mais disposição para o dia a dia. Só que montar um cardápio para emagrecer exige força de vontade e conhecimento.

Engana-se quem acredita que o segredo é comer pouco. O importante é abastecer o corpo o dia inteiro com alimentos saudáveis e nutritivos. Uma dieta de emagrecimento deve contar com opções leves e naturais, distribuídas ao longo de diversas refeições. Entenda a seguir como isso é possível.

mulher investe num cardápio para emagrecer

Segredos de um cardápio para emagrecer

De acordo com a educadora física Juliana Mouffron Bittencurt, da academia Smart Fit, os alimentos termogênicos podem influenciar na perda de peso. Eles aumentam a temperatura corporal, a frequência cardíaca e a taxa metabólica do organismo, estimulando o corpo a gastar mais energia para se manter ativo.

Os termogênicos mais conhecidos são café, canela, gengibre, vinagre de maçã, pimenta e chá-verde. Todos eles podem ser incluídos em sua rotina de alimentação - alguns como bebida, outros como condimentos para saladas. Vale adicioná-los sem medo à maioria das refeições.

Outra recomendação é comer de três em três horas. O ideal é realizar aproximadamente seis refeições ao longo do dia, sendo o café da manhã, o almoço e o jantar os mais importantes. Sempre opte por proteínas, saladas e uma boa porção de carboidrato. Já para os lanchinhos intermediários, as frutas são a opção preferida.

Invista sempre nas proteínas magras e nas fibras. Uma boa dica de almoço, por exemplo, é um filé de frango grelhado ou de salmão, algumas colheres de arroz integral e folhas verdes com tomate picado. Essa sugestão também vale para o jantar. Os lanches podem contar com iogurtes, frutas, snacks integrais ou shakes de proteína.

Falando neles, os shakes de whey protein devem ser recomendados pelo nutricionista que acompanha a sua rotina alimentar. O ideal é investir nessas opções quando você não tem tempo para preparar uma refeição completa. Demais suplementos também devem ser indicados pelo profissional.

Invista no treino pesado

Além de um cardápio para emagrecer, também é necessário investir em atividades físicas. Juliana sugere algumas maneiras de potencializar o treino e transformar a gordura em uma inimiga do passado. Confira!

1. Opte por treinos no estilo circuito de musculação. Diminua os intervalos entre os equipamentos e mescle-os com atividades aeróbicas.

2. Varie os exercícios sempre que você sentir que eles estão fáceis demais. “Mudar os treinos de musculação periodicamente é essencial para evitar que o corpo caia na rotina e pare os ganhos de massa muscular”, explica a educadora física.

3. Concentre-se nas séries e nas repetições do seu treino. Os tempos de descanso devem ser avaliados por você junto com seu professor. “Intervalos mais curtos são grandes aliados daqueles que desejam perder peso. Esse tipo de repouso aumenta a frequência cardíaca.”

4. Esqueça os mitos. Praticar musculação ajuda a emagrecer, sim! “O primeiro benefício da musculação é que, à medida que o indivíduo ganha massa muscular ou massa magra, sua taxa metabólica de repouso aumenta”, lembra a especialista.

Que achou das dicas para emagrecer com saúde? Deixe um comentário! E aproveite para conferir as novidades de alimentação e atividade física do Vivo Mais Saudável.

TAGS
emagrecimento
perder peso
termogênicos
nutrição

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ