Dietas

05/10/2015 12:09 - Atualizado em 20/11/2016 12:49

Gordura insaturada: Confira 6 alimentos indispensáveis na dieta

A chamada "gordura boa" ajuda a prevenir problemas cardiovasculares.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Quando se ouve falar em gordura, na maior parte das vezes, costumamos relacioná-la com os exageros à mesa e com o excesso de peso. Porém, existe, sim, a gordura “do bem” e ela responde pela denominação de gordura insaturada. Existem várias maneiras de consumi-la, já que, felizmente, está presente em muitos alimentos.

Para que você entenda melhor, saiba que as gorduras recebem classificação de acordo com seu grau de saturação, que é medido de acordo com a forma como ocorre a formação de suas moléculas. A gordura insaturada (ácidos graxos insaturados) é denominada ainda como "gordura boa”.

abacate tem gordura insaturada

O papel da gordura insaturada

A gordura insaturada é considerada saudável porque auxilia na prevenção de doenças cardiovasculares, já que tem a capacidade de diminuir o índice de triglicerídeos, elevando o chamado colesterol bom (HDL) e diminuindo o colesterol ruim (LDL).

Assim, o resultado é a diminuição da formação de placas de gordura dentro dos vasos sanguíneos, que pode provocar a hipertensão arterial, além de infarto e acidente vascular cerebral.

Mas, afinal de contas, onde podemos encontrar a gordura insaturada? Confira abaixo seis opções:

1. Azeite de oliva

2. Castanha

3. Óleo de canola

4. Abacate

5. Semente de linhaça

6. Peixes oleosos, como o salmão, o atum, a sardinha e a truta.

info gordura insaturada

Na dieta diária

A gordura insaturada tem efeito anti-inflamatório sobre as células vasculares e, assim, inibe a expressão de proteínas pró-inflamatórias. É o tipo de gordura que não é produzida pelo organismo. Por isso, é fundamental que seja incluída na dieta.

Não há dificuldade na ingestão da quantidade mínima diária recomendada dos ácidos graxos insaturados. O uso de óleos de origem vegetal no preparo das refeições já deve suprir suas necessidades. Mas é preciso ter cuidado com as quantidades adequadas de calorias e de gordura total.

Saiba Mais
Aprenda 3 receitas com abacate para um cardápio nutritivo
Linhaça é um ingrediente poderoso na alimentação
Aproveite os benefícios do azeite de oliva na sua dieta

Por isso, não deixe de buscar orientação de um nutricionista para o consumo adequado de qualquer tipo de gordura insaturada. Apesar de ser benéfica, ela precisa fazer parte de um contexto saudável. É essencial que uma dieta contemple a presença de todos os nutrientes que o organismo precisa. Assim, você vai garantir uma alimentação equilibrada, sem o risco de sobrepeso e obesidade.

Assim como temos conhecimento dos benefícios da gordura boa, é preciso saber o quanto as chamadas gorduras ruins podem ser prejudiciais ao organismo e procurar evitá-las ao máximo.

Por isso, não deixe de conversar com seu nutricionista para encontrar maneiras de diminuir a ingestão de gorduras saturadas e trans, encontradas em bolachas, doces e salgadinhos de pacote. Elas elevam os riscos de obesidade e de doenças provocadas pelo aumento do colesterol ruim.

Gostou deste artigo? Então comente e compartilhe nas redes sociais! E aproveite para conferir outras dicas de saúde e alimentação aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
gorduras boas
ácidos graxos
colesterol
coração

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ