Dietas

10/10/2015 09:32 - Atualizado em 03/12/2016 05:32

Flores comestíveis: Surpreenda na cozinha

As pétalas do seu jardim podem fazer parte das refeições em família.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Brócolis, couve-flor, alcachofra e flor de abóbora possuem algo em comum. Além de serem alimentos presentes no prato de vários brasileiros, também são flores comestíveis. Fonte de vitaminas A e C, elas se tornam uma ótima forma de aumentar a imunidade e diminuir o estresse diário.

“Nas pétalas, principalmente, é onde encontramos minerais, vitaminas e compostos fitoquímicos, que são reconhecidos pela sua atividade antioxidante e anti-inflamatória”, diz Renata Migueis, nutricionista do Vigilantes do Peso.

Os benefícios das flores comestíveis não param por aí. Elas apresentam efeito antimicrobiano e antiviral, além de possuírem um baixo valor calórico.

salada com flores comestiveis

Como utilizar flores comestíveis

Antes de ingerir qualquer tipo de flor comestível, é preciso saber se ela foi cultivada com esse fim. Após essa constatação, lave-a com cuidado para que as pétalas não fiquem machucadas. Depois, remova o estame, a estrutura de sustentação que fica bem no centro da flor, e seque com delicadeza. As flores comestíveis podem ser servidas inteiras ou em pétalas.

Conheça algumas das mais populares:

Amor-perfeito

flores comestíveis amor-perfeito

Possui uma textura aveludada e é refrescante. A flor é boa para saladas e para aromatizar vinagres.

Begônia

Pode ser encontrada nas cores vermelha, amarela, laranja e rosada. As begônias são muito apreciadas em virtude de sua acidez agradável. Podem ser usadas nas saladas, em coberturas e em ensopados.

Calêndula

Suas pétalas podem ser misturadas ao arroz, ao peixe, à sopa, aos queijos, ao iogurte e à omelete, dando uma coloração como a do açafrão. A flor pode ser usada também como corante de manteiga e de queijos. Apenas as pétalas devem ser consumidas, desprezando-se o miolo.

Capuchinha

As capuchinhas são flores comestíveis fáceis de cultivar. Elas trazem uma explosão de cor a qualquer salada. São boas recheadas, cristalizadas ou como ornamento.

flores comestíveis calêndulaElas possuem um gosto ligeiramente apimentado - tanto que as sementes podem até ser usadas para substituir pimentas tradicionais. Aliás, a planta inteira é comestível.

A capuchinha cai bem numa salada de verão. Também vale para enfeitar pratos doces e salgados, como omeletes, refogados, arroz e purês.

Flor de Abobrinha

Também conhecida como flor de cambuquira, ela pode ser recheada com queijo e acompanhar pratos salgados, ou ainda servir de ingrediente para sopas.

Violeta verdadeira

Atenção: não é a violeta-africana, aquela encontrada nas floriculturas. Quando fresca, é usada em saladas. Cristalizada, pode ser utilizada para decorar bolos, pudins e sorvetes.

Saiba Mais
Salada no pote é opção de maior conservação
Invista em plantas que purificam o ar e renove o ambiente
Molhos para salada dão um toque especial à sua receita

Receita de gelatina de flores

Ingredientes:

- Amor-perfeito a gosto

- 1 colher de sopa de gelatina em pó sem cor e sem sabor

- 3 colheres de sopa de água

- ½ litro de suco adoçado a gosto.

Modo de Preparo:

Dissolva a gelatina na água e, depois, acrescente o suco de fruta. É importante que o suco seja de uma cor clara, para que as flores se destaquem. Leve ao fogo até levantar fervura, sempre mexendo.

Separe forminhas para gelatina e preencha um terço delas. Leve à geladeira para solidificar. Em seguida, posicione as flores comestíveis viradas para baixo e preencha o restante. Retorne as forminhas à geladeira até ficarem durinhas e desenforme na hora de servir.

Que achou da ideia? Deixe seu comentário! E aproveite para conferir outras dicas de alimentação aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
salada
bolo
omelete
sopa

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ