Dietas

03/11/2015 03:44 - Atualizado em 19/09/2016 09:23

Alimentos com calorias negativas são amigos da balança

Esses alimentos não devem ser confundidos com os famosos termogênicos.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Os alimentos com calorias negativas podem ajudar a diminuir o seu percentual de gordura. Segundo a nutricionista Marlise Stefani, eles nada mais são que opções ricas em fibras e fontes hídricas, exigindo trabalho redobrado durante a digestão. “São alimentos que têm menos calorias do que o corpo necessita para digeri-las”, explica.

Encontrados em qualquer feirinha, esses ingredientes contêm altos níveis de nutrientes que são essenciais para a manutenção do organismo. Frutas e hortaliças fazem parte desse grupo e devem entrar já na sua lista de compras! Conheça mais sobre as calorias negativas e veja como emagrecer sem descuidar da saúde.

abacaxi cortado, exemplo de calorias negativas

Cuidado com as calorias negativas

Entre as opções para secar a barriga estão frutas (abacaxi, laranja, limão, maçã, morango, melão, tangerina e pêssego) e outros vegetais (alface, beterraba, brócolis, couve-flor, espinafre, pimentão, repolho e tomate). Porém, não basta recorrer a eles indiscriminadamente.

Qualquer dieta deve ser acompanhada por um nutricionista. Para não baixar a imunidade e perder músculo em vez de gordura, você deverá aliar os alimentos com calorias negativas à ingestão de proteínas e carboidratos.

A energia encontrada nesse último grupo é essencial para manter a pessoa ativa durante as atividades do dia a dia. Por isso, aposte no arroz integral, na goma de tapioca e na batata-doce, sempre com orientação profissional para montar o cardápio. Atividades físicas regulares também ajudam a emagrecer e conquistar o corpo tão desejado.

Saiba Mais
Canela oferece sabor e benefícios para saúde
Fibras alimentares estimulam o bom funcionamento do organismo
Conheça 5 benefícios do gengibre para a saúde e beleza

Não confunda com termogênicos

Muitos podem confundir, mas calorias negativas não significam queima de gordura. “Os termogênicos aumentam a temperatura corporal e a taxa metabólica do organismo, fazendo o corpo gastar mais energia”, comenta Marlise. Já as opções ricas em fibras não têm essa função.

As melhores opções de termogênicos naturais, de acordo com Marlise, são o café, a canela, o gengibre, o vinagre de maçã, a pimenta e o chá-verde. Além de estimular o metabolismo, são fáceis de encontrar em qualquer supermercado e que podem potencializar a perda de gordura sem prejudicar o organismo.

Segundo a nutricionista esportiva Geórgia Bachi, os alimentos termogênicos otimizam o trabalho de perda de calorias tanto por acelerar o organismo quanto pela capacidade de diminuir a retenção de líquidos. “Pelo fato de aumentarem o metabolismo, acabam evitando que haja acúmulo de gordura”, destaca.

O ideal, segundo ela, é evitar essas opções durante o período noturno, já que eles podem atrapalhar o sono e aumentar a pressão arterial ou a vontade de urinar.

E você, o que faz para perder peso? Conte para nós! Aproveite também para conferir outras dicas de alimentação aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
emagrecer
fibras
frutas
hortaliças

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ