Alimentação Infantil

27/01/2016 11:56 - Atualizado em 03/12/2016 07:09

Sobrepeso infantil é alarmante, segundo OMS

Sedentarismo e alimentação desequilibrada são os principais vilões.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você está atento à alimentação do seu filho? Ao que tudo indica, muitos pais não têm o mesmo cuidado. A taxa de sobrepeso no público infantil atingiu um nível "alarmante" e se tornou um "pesadelo explosivo" em países em desenvolvimento, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

De acordo com a OMS, pelo menos 41 milhões de crianças com menos de 5 anos estão acima do peso, ao redor do mundo. Conheça as principais causas para esse problema e veja como cuidar da saúde do seu pequeno.

criança com sobrepeso

Sobrepeso infantil é motivo de preocupação

O relatório da OMS apontou que o número de crianças com sobrepeso aumentou em 10 milhões, em comparação com o ano de 1990. Atualmente, o problema atinge mais países pobres que nações desenvolvidos.

Segundo a pesquisa, quase metade das crianças obesas estão na Ásia e 25%, na África. No continente africano, o aumento no número de casos foi ainda mais marcante: de 5,4 milhões, em 1990, para 10,3 milhões em 2014.

Para a OMS, um dos principais causadores do aumento de peso infantil é a falta de regulamentação no comércio de alimentos e bebidas calóricas. Além disso, a diminuição de atividades físicas nas escolas também é apontada como causadora do problema.

Saiba Mais
Quantidade de açúcar nos alimentos pode surpreender você
Brincadeiras com bola podem reduzir sedentarismo infantil
Sedentarismo e lanches prontos deixam as crianças obesas

Outro alerta da OMS é em relação à má alimentação na primeira infância, que se torna fator de risco para o desenvolvimento de problemas com a balança no futuro. Ainda, filhos de migrantes e indígenas aparecem especialmente ameaçados, devido às mudanças culturais e ao acesso limitado ao sistema de saúde.

crianças com sobrepeso na escola

3 causas para a obesidade na infância

1. Hábitos alimentares

A rotina agitada do dia a dia contribui para que muitos pais acabem aderindo a alimentos industrializados no cardápio diário. Comidas ricas em sódio, açúcar e gordura estão cada vez mais frequentes no cardápio dos pequenos, levando ao sobrepeso infantil.

Pratos coloridos e ricos em nutrientes são uma maneira de garantir um organismo mais saudável para seus filhos. Mostre as diferentes possibilidades de sabores e de texturas para que a criança compreenda a importância desses ingredientes. Além disso, os pais são o maior exemplo, então é importante que os adultos da casa também adotem uma dieta saudável.

2. Sedentarismo

Crianças que passam longos períodos em frente à televisão, ao videogame ou ao computador são mais propensas a desenvolver o sobrepeso. A atividade física é fundamental para gastar energia e manter o bom funcionamento do organismo. Estimule seus filhos à prática de esportes ou a brincadeiras no quintal.

3. Fatores genéticos

Ainda não há comprovação científica de que a genética, por si só, explique o aumento de peso. No entanto, sabe-se que a obesidade sofre influência de diversos genes. Estudos mostram que um pai obeso aumenta em 80% as chances de os filhos também terem sobrepeso.

Por isso, é importante que toda a família adote uma rotina saudável. Não adianta querer que a criança desenvolva hábitos positivos, se ela assiste aos pais fazerem o contrário.

Seja sincero: seus hábitos alimentares são saudáveis? Você acha que dá um bom exemplo para seus filhos? Deixe um comentário! E não se esqueça de conferir as dicas de alimentação e atividade física do Vivo Mais Saudável.

TAGS
nutrição
saúde
desenvolvimento infantil
obesidade

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ