Alimentação Infantil

11/07/2015 01:27 - Atualizado em 21/11/2016 12:47

Inclua alimentos ricos em ferro no cardápio do seu filho

Carnes, folhas verde-escuras, feijão e lentilha são essenciais para evitar a anemia infantil.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Durante a fase de crescimento, uma criança deve consumir diariamente alimentos ricos em ferro. Isso faz com que ela se desenvolva de forma saudável e ajuda a evitar doenças como a anemia.

O ferro é um elemento de origem mineral importante no transporte de oxigênio no organismo. Ele também auxilia na formação de glóbulos vermelhos, na manutenção do sistema imunológico e na produção e manutenção de neurotransmissores cerebrais.

Conheça alguns dos alimentos ricos em ferro e saiba como inseri-los no cardápio infantil.

alimentos ricos em ferro

Importância dos alimentos ricos em ferro

A alimentação rica do componente não precisa necessariamente começar quando a criança atinge maturidade para consumir sólidos. Desde a gestação e a lactação, é importante que o bebê receba também os nutrientes dos alimentos ricos em ferro presentes na dieta da mãe.

O mineral é capaz de melhorar a cognição e o aprendizado da criança, aumentando a resistência a infecções, além de ser fundamental para um crescimento saudável.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), países em desenvolvimento apresentam mais de 50% das crianças menores de 4 anos com deficiência de ferro no organismo. No Brasil, estudos regionais com crianças de diferentes faixas etárias apontam uma variação de 28% a 68%.

Na maioria dos casos, essa falta do mineral está associada ao baixo consumo, mas em outros casos pode haver algum problema na absorção do ferro.

Os principais sintomas da falta da substância no organismo são fraqueza, palidez, fadiga, falta de concentração, sonolência, palpitação e formigamento nas mãos e nos pés. Se seu filho já sentiu alguns desses sintomas, está na hora de buscar auxílio médico e implantar alimentos ricos em ferro nas refeições.

Segundo o National Institute of Health, dos Estados Unidos, as quantidades diárias de ferro necessárias para as crianças variam de acordo com a faixa etária. Bebês de até seis meses de idade devem ingerir cerca de 0,3 miligramas da substância diariamente. A partir de meio ano até um ano de vida, a quantidade sobe para 11 miligramas.

Crianças de 1 a 3 anos podem consumir até 7 miligramas de ferro nas refeições. A partir dos 4 anos até os 8, o número aumenta novamente para 10 miligramas. Dos 9 aos 13 anos, 8 miligramas diários de ferro são o suficiente para manter um organismo saudável.

Principais alimentos ricos em ferro

As carnes bovina, de aves e do peixe possuem boas quantidades de ferro. A gema de ovo e as leguminosas - como o feijão, a lentilha, o grão-de-bico, a soja e a vagem - também são fontes importantes do nutriente.

Ervilhas, espinafre, brócolis, couve-flor, beterraba, folhas verde-escuras e frutas como a uva e a manga são mais opções para a alimentação do seu filho. Procure incluir esses alimentos ricos em ferro de forma gradual e divertida no prato do seu filho. Também vale dar o exemplo ao incluí-los em suas próprias refeições.

Gostou do artigo? Deixe seu comentário! E não esqueça que o Vivo Mais Saudável sempre tem novidades de alimentação infantil.

TAGS
anemia
deficiência de ferro
carne
feijão

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ