Alimentação Infantil

19/01/2015 03:36 - Atualizado em 09/12/2016 02:59

Conheça e evite os alimentos que provocam gases em crianças

Algumas leguminosas, como feijão, lentilha e ervilha, estão entre os alimentos que provocam gases.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Ter gases é um problema comum em crianças, pois elas ainda estão com o organismo em desenvolvimento e, por isso, são mais frágeis. A alimentação é a principal responsável pelo problema, mas ao evitar alguns alimentos que provocam gases é possível controlar e amenizar esse incômodo.

Principais alimentos que provocam gases em crianças

Existem alguns alimentos que são bem conhecidos por estimularem ainda mais a produção de gases. Os principais são feijões, lentilhas, ervilhas e certas verduras, pois possuem uma quantidade de fibras e carboidratos que fermentam mais durante a digestão, causando o aumento dos gases.

Algumas pessoas também têm características individuais que fazem com que alguns alimentos produzam mais gás do que outros.

alimentos que provocam gases

Outros alimentos que provocam gases são frutas, como maçã, pera e frutas secas. Isso ocorre porque a frutose, um tipo de açúcar natural, provoca flatulências. Repolho, aspargos, couve-de-bruxelas, cogumelos em geral e mel em excesso também podem aumentar a fermentação no intestino.

O ovo é mais um dos alimentos que provocam gases. A albumina, proteína presente na clara, estimula a fermentação da substância no sistema digestivo. Industrializados também produzem gases nas crianças, como os sucos de caixinha. Medicamentos do tipo xarope também podem conter substâncias que fermentam.

A ocorrência de gases em excesso pode esconder problemas no organismo da criança, como a intolerância à lactose. O intestino de algumas pessoas não tolera determinados açúcares por deficiência de enzimas que promovem sua digestão, tendo como consequência a má absorção e a fermentação.

Quando a criança tem intolerância, ela tem sintomas como o excesso de formação de gases e, eventualmente, a diarreia e o vômito.

Além dos alimentos que provocam gases, engolir ar também pode causar o problema. Por isso, mascar chiclete muitas vezes aumenta a produção de gases em crianças, pois elas acabam engolindo ar enquanto mascam a goma.

Alimentos que provocam gases em bebês

Os gases também são bem frequentes em bebês. Além de evitar a ingestão dos alimentos já citados, outros cuidados podem diminuir a produção de gases nos pequenos. Quando os bebês ainda estão sendo amamentados, basta apenas diminuir a ingestão desses alimentos. Esse cuidado ajuda a reduzir não só os gases, como também as cólicas.

A produção de gases em excesso também pode ser causada pela ingestão de ar enquanto o bebê mama, come ou bebe. A maioria do ar é expelido quando o bebê arrota depois da amamentação, mas pequenas quantidades ainda chegam ao intestino.

Para diminuir os gases causados pela ingestão de ar, é indicado encaixar bem a boca do bebê quando está mamando, além de comer devagar e mastigar com a boca fechada.

Como evitar e tratar o problema

Além de saber quais são os alimentos que provocam gases, é importante conhecer também os que ajudam a controlar e prevenir o problema.

Um dos principais aliados nesse processo é a água, que controla a fermentação que gera os gases a partir da hidratação do corpo, sem sobrecarregar o aparelho digestivo. Também os biscoitos de água e sal podem ajudar, pois são pobres em aminoácidos, substâncias que causam o estufamento.

Gostou das dicas de alimentação? Então deixe um comentário! E não esqueça de curtir nossa página no Facebook para ficar ligado em todas as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
nutrição
alimentação infantil
saúde
gases

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ