Alimentação Infantil

18/02/2016 03:00 - Atualizado em 08/12/2016 12:21

Como fazer a criança comer no horário certo

Bons hábitos alimentares são desenvolvidos ainda na infância.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Algumas crianças reclamam da comida. Outras dizem que não estão com fome fazem birra. O momento das refeições pode ser uma batalha para alguns pais. Encontrar maneiras de fazer o pequeno gostar de alimentos saudáveis e comer no horário certo parece uma tarefa impossível, mas não precisa ser assim.

Se você já brigou, incentivou, chorou e implorou, saiba que essas atitudes podem piorar a situação. Segundo a nutricionista Adriana Pittelkow, a maioria dos conflitos acontece por causa dos próprios pais. “Eles se preocupam demasiadamente com o estado de saúde da criança”, explica.

criança no horário para comer

A importância do horário para comer

Para a nutricionista, é importante que os pais criem um horário regular para as refeições. Esse momento deve ser respeitado diariamente e sem grandes mudanças. “O relógio biológico da criança permitirá, assim, que ela chegue com apetite à hora da refeição”, explicar.

Se a missão for fazer o pequeno comer por vontade, não por obrigação, os primeiros dias realmente podem ser difíceis. Adriana recomenda começar o processo com pequenas quantidades de comida. Deve-se elogiar todas as vezes em que ela raspar o prato.

As porções vão aumentando ao longo do tempo para que o pequeno - e seu estômago - se habituem à rotina alimentar.

“Passos pequenos e ponderados são mais seguros que passadas grandes e precipitadas”, alerta a profissional. Outra dica é respeitar os gostos da criança e evitar insistir que ela consuma alimentos aos quais manifesta clara aversão. “Há sempre alternativas e muitos superalimentos para escolher.”

Uma recomendação que também ajuda é não encher o prato. Vale colocar uma pequena porção de cada grupo nutricional e esperar que o pequeno solicite mais. Varie os alimentos ao longo da semana e faça sempre pratos coloridos. "Se enche os olhos de prazer, é mais fácil desejar provar", explica a nutricionista.

Ainda, dar uma pequena recompensa em retribuição ao esforço pode ajudar. Permitir à criança uma sobremesa saudável ao fim da refeição é um dos segredinhos certeiros. Esse truque ensina o pequeno. “Ele aprenderá que a refeição é composta por várias partes, que todas estão interligadas e são inseparáveis”, reforça Adriana.

horário do bolo no aniversário infantil

Horário não é sinônimo de regra

Apesar de importante para criar um ritmo alimentar, o horário não deve ser considerado uma regra definitiva. Datas especiais, como aniversários e fins de semana, podem alterar a rotina pelo menos um pouquinho. "A hora da refeição deve ser uma uma hora de família e diversão à mesa, privilegiando a conversa e a boa disposição", comenta Adriana.

É importante ensinar à criança a importância do alimento para seu desenvolvimento saudável. Explicar os motivos por que uma fruta, por exemplo, pode influenciar na saúde é uma boa dica. Os pais servem como modelo de comportamento a seguir, por isso é necessário manter bons hábitos alimentares entre todos os membros da família.

Por fim, exercitar a paciência é essencial. Tente lembrar que essa é apenas uma fase da vida. A criança irá crescer e desenvolver seus próprios gostos. “Ela passa a exercer maior independência e poder de escolha do que deseja”, lembra Adriana.

Gostou das dicas de nutrição? Deixe um comentário! E aproveite para conferir as novidades do Vivo Mais Saudável.

TAGS
refeições
nutrição
hábitos alimentares
rotina alimentar

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ