Alimentação Infantil

18/06/2014 09:00 - Atualizado em 28/11/2016 04:13

Café da manhã é a refeição mais importante para crianças

Crianças que tomam café da manhã têm melhor desempenho na escola.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Você já ouviu que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. Mas sabia que, no caso das crianças, a alimentação balanceada e nutritiva pela manhã pode ser ainda mais importante?

Importância do café da manhã para crianças

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Alimentar-se bem no café da manhã é fundamental tanto para um melhor rendimento na escola quanto para um crescimento saudável. Muitas famílias argumentam que a rotina apressada dos pais e dos filhos não permitem que um tempo razoável seja dedicado a essa refeição, e que as crianças podem comer um lanche na própria escola. Isso é um erro, e vamos explicar para você o motivo.

Café da manhã e a inteligência da criança

Estudos já revelaram que crianças que tomam café da manhã todos os dias têm desempenho melhor em testes de QI do que aquelas que não têm esse costume – independentemente de gênero, local de moradia e escolaridade dos pais.

O período entre a janta e o café da manhã inclui o nosso sono, então, ele é o maior intervalo entre as refeições do nosso dia. Depois do jejum, nosso corpo precisa de alimento para começar a desempenhar as suas funções. Se não se alimentar corretamente, a criança terá menos disposição, o que comprometerá o seu desempenho. Mesmo quando estamos dormindo, nosso organismo gasta energia para manter as suas funções básicas, como o controle cardíaco, respiração, equilíbrio de temperatura, etc. Como a criança costuma ter uma rotina bastante agitada e adora correr na hora do recreio e educação física, é fundamental que sua energia seja reposta com um bom café da manhã.

Não pule o café da manhã

A saúde de crianças que pulam o café da manhã para se alimentarem entre turnos, ou durante o recreio, pode ser prejudicada devido ao tipo de comida que  está  à disposiçao dela na escola.  Como os pais não estão por perto para controlar o que ela come, a criança pode optar por salgadinhos e outro alimentos com muitas calorias, gorduras e carboidratos, condicionando o organismo de maneira errada. Muitas escolas, é bom lembrar, não têm a devida atenção com o tipo de alimento que é oferecido em suas cantinas e lancheiras. Fora isso, o ideal é a alimentação de três em três horas, ou seja, o lanche no meio da manhã é apenas uma refeição complementar, e não a principal.

O hábito do café da manhã, se adotado pela criança, provavelmente seguirá pelo resto de sua vida. Para isso, os pais devem dar o exemplo – não adianta cobrar que a criança faça a refeição se você também não faz. Afinal, o café da manhã não perde a importância quando a pessoa se torna adulta. O ideal é aproveitar as primeiras horas da manhã e criar uma rotina de convivência familiar, onde pais e filhos põem a conversa em dia enquanto se alimentam.

Refeição balanceada no café da manhã

Não basta comer qualquer coisa. O ideal é uma refeição balanceada, com um alimento do grupo dos carboidratos, como biscoito, torrada ou pão – fundamentais para recarregar as energias que serão gastas durante a manhã; frutas, ricas em vitaminas e minerais – não é necessária adição de açúcar, pois elas possuem frutose; e leite ou derivado, como iogurte e queijo – ótimas fontes de proteína e cálcio, fundamentais para o crescimento da criança e fortalecimento dos ossos.

Gostou do artigo ? Deixe seu  comentário!

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ