Alimentação Infantil

08/03/2016 12:00 - Atualizado em 21/11/2016 09:26

Aprenda como fazer papinha para bebê

Os legumes devem ser higienizados com escovinha e cozidos em água filtrada.

POR

Redação

  • +A
  • -A

As descobertas não param de acontecer para mamães e papais de primeira viagem. Quando o assunto é nutrição infantil, muitos ainda se perguntam como fazer papinha para bebê, preocupados que ela seja tão gostosa quanto saudável.

Vale lembrar que o aleitamento materno exclusivo é indicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) até os 6 meses de idade da criança. Após esse período, papinhas, sopas e purês podem ser introduzidos no cardápio. A escolha das frutas e dos legumes deve ser feita preferencialmente pelo nutricionista ou pediatra que acompanha a criança.

No início, valem apenas as sopinhas e os purês. Pedaços sólidos de legumes e verduras somente podem ser acrescentados aos 8 meses de idade do pequeno. É nessa fase que ele consegue mastigar e amassar a comida com a gengiva.

A seguir, confira os benefícios desse tipo de alimento e veja como fazer papinha em casa.

como fazer papinha para bebê

Benefícios das papinhas caseiras

- São livre de conservantes, corantes e açúcares

- Não contêm gorduras trans

- Fornecem vitaminas e minerais

- Estimulam à mastigação dos pequenos

- Podem ser personalizadas de acordo com as preferências da criança.

Entre as frutas e os legumes dos quais você não deve abrir mão, estão a banana, a pera, a goiaba, a manga, o mamão, a maçã, a cenoura, a beterraba e a batata.

Afinal, como fazer papinha para bebê?

As dicas a seguir são indicadas para o preparo das papinhas salgadas de legumes. As versões feitas com frutas não carecem de cozimento. Nesses casos, basta descascar os ingredientes e amassá-los com um garfo.

O momento ideal de fazer a papinha é na hora da refeição. Se você não tiver tempo, pode triturar os ingredientes e conservá-los em um pote plástico. Guarde-os na geladeira por no máximo três dias. Se congelados, os alimentos podem durar até 180 dias.

Prefira ingredientes frescos

Vá à feira e escolha os vegetais mais bonitos e fresquinhos. Os orgânicos não levam agrotóxicos e são uma boa dica.

Limpe bem

Higienize todos os itens escolhidos. Utilizar uma escovinha para limpar os alimentos é a maneira certa de remover todas as impurezas. Hipoclorito de sódio misturado com água também pode ser utilizado.

Escolha temperos saudáveis

Legumes devem ser cozidos em água filtrada. Temperos como alho, cebola e salsinha podem ser adicionados durante o cozimento. Sal não é uma boa opção e deve ser evitado.

Misture tudo

Depois do cozimento, basta juntar os ingredientes em um prato e amassá-los com um garfo. A papinha deve ser servida ainda morna.

Aprendeu a fazer papinha para o seu bebê? Se você conhece outras dicas, deixe um comentário e colabora com a troca de ideias entre os leitores do Vivo Mais Saudável!

TAGS
nutrição
higiene
cardápio infantil
introdução alimentar

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ