Alimentação Infantil

01/05/2015 09:23 - Atualizado em 01/12/2016 12:40

Alimentos ricos em fibras melhoram o organismo dos pequenos

Fibras ajudam a melhorar o apetite, o funcionamento do sistema digestório e a disposição.

POR

Redação

  • +A
  • -A

Se seu filho tem problemas de constipação, saiba que uma dieta que inclua alimentos ricos em fibras pode ser uma das soluções mais eficazes. Além disso, outras vantagens também devem ser levadas em consideração, como a melhora do apetite, da disposição e controle do peso de acordo com cada idade.

A quantidade recomendada de fibras para uma criança de 10 anos, por exemplo, é de cerca de 20g por dia. Inserir esses alimentos nas refeições dos pequenos não é tarefa fácil, mas, com um pouco de insistência e receitas gostosas, é possível. Saiba qual é a importância dos alimentos ricos em fibras e como incluí-los na cardápio do seu filho.

alimentos ricos em fibras

Conheça alimentos ricos em fibras

A ingestão adequada de alimentos ricos em fibras exerce efeitos benéficos sobre o aparelho digestório, como a regularização do trânsito intestinal e a melhora na fermentação dos alimentos.

A Fundação Americana de Saúde e a Academia Pediátrica Norte-Americana recomendam que crianças acima de dois anos devam ter um consumo diário de fibras, acrescentando-se de 5g a 10g à idade da criança. Ou seja, uma criança de cinco anos comeria entre 10g e 15g de fibras por dia.

Para crianças menores de dois anos não há recomendação, pois o aleitamento materno está presente até os seis meses. Após essa idade, deve ser introduzida uma alimentação adequada, contendo frutas, verduras e legumes.

Existem alimentos que contêm quantidades elevadas de fibras, mas que devem ser consumidas dentro das quantidades indicadas de acordo com a idade da criança. O caqui chocolate e uma concha de feijão carioca fornecem a mesma quantidade de fibras: 7,3g.

Em segundo lugar, a goiaba branca apresenta 6g de fibras em uma unidade e meia da fruta. Quatro colheres de sopa de arroz integral cozido possuem 3,8g de fibras insolúveis. Logo em seguida, duas fatias de pão de forma de trigo integral apresentam 3,5g de fibras.

Além desses alimentos, a ameixa crua, a pipoca, a aveia, a alface e a beterraba também fornecem fibras ao organismo, porém em quantidades menores.

Perigos do excesso de fibras para as crianças

Em certos alimentos ricos em fibras, como os cereais integrais e alguns vegetais folhosos, a presença de outros componentes, como o fitato e o oxalato, pode interferir na absorção de mineraisO zinco, o ferro e o cálcio são nutrientes que demandam maior cuidado, pois a falta deles pode prejudicar a constituição óssea e a qualidade do sangue, por exemplo.

Para os pequenos, ingerir muitas fibras pode ser prejudicial. Crianças com o trânsito intestinal acelerado e grave distensão abdominal também necessitam de restrição de fibras alimentares até a melhora dos sintomas. Depois disso, a alimentação vai gradualmente sendo normalizada.

alimentos ricos em fibras

Como incluir alimentos ricos em fibras no cardápio

Prefira sempre a versão integral de alimentos como pães e biscoitos. Já o refrigerante pode ser trocado pelo suco natural. O leite pode ser oferecido na forma de mingau, com um pouco de aveia.

Aliás, falando no cereal, que tal uma receita de bifinho de aveia? Veja como preparar.

Ingredientes:

- 500g de carne moída

- 2 colheres de sopa cheias de aveia

- 2 colheres de chá de azeite

- Sal, cebola e alho a gosto.

Modo de Preparo:

Misture todos os ingredientes e faça bolinhos, achatando em forma de bifes de hambúrguer. Coloque em uma assadeira e leve ao forno. Você também pode usar a massa para preparar almôndegas, mas nesse caso o molho deve ser colocado por último, já na hora de servir, para que a receita não desmanche na panela.

Gostou das dicas de nutrição? Então deixe um comentário! E não esqueça que você sempre encontra novidades aqui no Vivo Mais Saudável.

TAGS
apetite
intestino
sistema digestório
cardápio infantil

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

SERVIÇOS PARA VOCÊ